Cozinha Planejada: O Guia Definitivo

Advertisements

Ter uma cozinha planejada é o sonho de muita gente. Afinal, quando construído de acordo o planejamento do consumidor, o espaço transmite completamente sua personalidade. É preciso apenas fazer um bom planejamento da obra.

Cozinha planejada: como fazer

O primeiro passo para planejar sua cozinha é refletir sobre o uso do espaço. Você cozinha bastante? Recebe convidados ou gosta de juntar a família no cômodo? Qual a quantidade de utensílios possui? Avaliando estes aspectos você poderá, por exemplo, saber de quantos armários precisa. Ou se a instalação de uma bancada ou mesa na cozinha é interessante.

Para o bom funcionamento do espaço, são sempre necessárias quatro estruturas básicas. Para começar, um local para armazenamento dos alimentos. Isso pode ser trabalhado por meio de uma despensa, ou armário. Na segunda opção, porém, é importante que o guarda-comida fique próximo ao chão, para que os alimentos não pesem demais o móvel.

Também é necessário estabelecer um espaço para armazenagem de roupa e utensílios. Assim como uma área de lavagem (pia), e outra de cocção. Um espaço de cocção nada mais é do que o utilizado para cozimento dos alimentos, ou seja, o fogão.

Além do fogão e pia, toda cozinha, planejada ou não, deve possuir geladeira. O uso de freezers e depuradores (que retira cheiros do ambiente) é opcional. Ademais, é importante deixar livre de móveis pelo menos 80 cm da cozinha. A medida ideal, de qualquer modo, é de pelo menos 120 cm para livre circulação.

Importante ainda avaliar a combinação de cores desejadas. Os tons podem aparecer nos móveis, eletrodomésticos e até no chão. A iluminação também deve ser prioridade, pois será essencial para os momentos de preparação dos alimentos.

É fundamental que o planejamento tenha como base a pessoa que passará mais tempo no ambiente. Assim, os armários e bancadas poderão ser posicionados na altura mais adequada para ela.

Com seus planos em mente, procure um arquiteto que confiança. Ele poderá projetar suas ideias adequadamente, e ainda sugerir outros detalhes. Assim, o resultado da obra será muito mais benéfico ao seu imóvel.

Quais as vantagens de possuir uma cozinha planejada?

Cozinhas planejadas têm como principal vantagem o aproveitamento da altura e cantos do ambiente. Quando os armários são projetados corretamente, conseguem aproveitar cada espaço disponível no ambiente. Assim, você ganha novos locais para posicionar seus objetos.

Uma cozinha planejada garante maior funcionalidade. Isso significa que a área é utilizada ao máximo, sem deixar espaços vazios no cômodo. Também exige pouco deslocamento, colocando, por exemplo, o fogão bem próximo à pia. Assim, caso você suje as mãos ao cozinhar, poderá lavar as mãos logo em seguida, rapidamente.

Os espaços verticais e horizontais podem ser muito bem utilizados, com maior organização. Evita também a compra de móveis adicionais, restringindo o gasto da cozinha à obra planejada.

Outra vantagem de uma cozinha planejada é sua durabilidade. Como atende exatamente ao que o consumidor precisa, dificilmente a estrutura sofrerá modificações. Os móveis também não serão arrastados, evitando seu desgaste.

Ademais, o imóvel se torna único. Isso uma vez que cada móvel, eletrodoméstico e cor é pensado com base no gosto do cliente. Assim, no momento da venda da sua casa, ela estará mais valorizada que semelhantes no mercado.

Cozinha planejada simples

Uma cozinha planejada simples pode ser feita de diferentes modos. Primeiro, ela precisa possuir os móveis básicos de uma cozinha: um pia, um fogão e uma geladeira. As peças podem ser comuns, brancas ou em inox, ou ainda coloridas, dando maior “vida” ao ambiente. Isso mostra que, apesar de simples, a cozinha não precisa se tornar “sem graça”.

Para um ambiente mais simples, é importante escolher apenas um padrão de cores. Se você optar por móveis o chão colorido, balanceie o tom aplicando o branco em outros locais. Já se sua escolha for automaticamente por tons claros, invista em desenhos e puxadores personalizados. Uma ideia é inserir, por exemplo, detalhes delicados, como desenhos de flores nas portas dos armários. Ou um puxador pouco usual, que pode dar ar vintage ao cômodo.

Outro elemento do qual você pode “abusar” são as diferentes cores e texturas da madeira. No mercado, há disponível diferentes tipos do material, que criam visuais igualmente diferentes. As peças em tons de azul “riscadas” são as mais comuns, e podem ser a melhor saída quando o objetivo não for chamar tanta atenção para o ambiente.

Para um toque diferente, invista em bancos com visual diferente. Posicionados próximos à bancada, eles criam um espaço para acomodação da família ou convidados.

Cozinha planejada americana

A cozinha americana é uma das opções mais desejadas do cômodo planejado. Ela é caracterizada pelo uso de uma bancada que separa a cozinha de outro cômodo, como a sala de estar ou de jantar. Essa bancada é chamada também de meia parede, e geralmente possui uma pedra de granito ou mármore sobre ela.

Um balcão criado na cozinha planejada pode funcionar para diversas atividades. Como para posicionar os alimentos e cortá-los no momento do preparo. Ou então para realizar refeições rápidas, como uma mesa “extra”. Ainda é possível receber amigos e acomodá-los em volta do balcão, enquanto você prepara os comes e bebes dos seus visitantes. Por isso, aliás, é importante sempre deixar disponíveis alguns bancos próximos e na altura da bancada.

Esse tipo de construção ainda consegue oferecer a sensação de amplitude de espaço. Afinal, a cozinha não termina em seu cômodo, mas se estende visualmente até a sala.

No entanto, é preciso cuidado no momento da escolha por essa modalidade de cozinha. O espaço aberto deixa “escapar” para a sala os cheiros e fumaças criados na cozinha. A emissão de gordura no ar, com o tempo, pode acabar por manchar as paredes e demandar limpeza mais intensa. Por isso, pode ser interessante instalar um depurador sobre o fogão. O equipamento absorve parte do que é liberado pelo ato de cozinhar, diminuindo os problemas.

Veja também: Piso de cozinha fácil de limpar

Cozinha planejada pequena

Quando seu espaço é diminuto, a solução é fazer uma cozinha planejada pequena. Com os espaços bem projetados, torna-se muito mais interessante utilizar o ambiente. Especialmente porque todo a extensão poderá ser utilizada e otimizada, se adaptando às necessidades do consumidor.

Ao mesmo tempo, uma cozinha planejada pequena ganha bastante em organização. Imagine uma cozinha comum, em que você tem que adaptar seus utensílios ao que há disponível. Em casos assim, é bem provável que você acabe por “amontoar” uma série de objetos, para que eles caibam nos armários. Com móveis planejados, por outro lado, você os adapta ao que já possui. Então, a tarefa de guardar seus pertences se torna muito mais prática.

Como o espaço é diminuto, os projetos mais interessantes costumam centrar os móveis em um canto. Isso significa fazer uma decoração linear. Fogão, pia, geladeira e armários ficam de um lado do espaço. No outro, você pode inserir armários superiores ou uma bancada. Assim, cria-se um corredor confortável para trânsito.

Sua sofisticação e bom gosto também pode ser reforçada com a opção. Basta apenas investir num tipo de iluminação específica, de preferência com um pendente (ou pequeno lustre). A alternativa é ótima para destacar o cômodo, colocando o ponto de luz mais baixo que o comum. Lembre-se, porém, de que a iluminação deve ser intensa.

Cozinha planejada para apartamento pequeno

Com o tempo, parecem que os apartamentos estão cada vez menores, não é mesmo? Afinal, a oferta de espaço para construções também é menor. Por isso, muitas vezes a cozinha parece um espaço minúsculo. O que, obviamente, pode ser resolvido com uma cozinha planejada para apartamento pequeno.

Pequenas medidas requerem um planejamento cuidado. Conhecendo cada canto disponível, o arquiteto pode criar plano bastante otimizado. Aquela quina da parede, por exemplo, com um vão “estranho”, pode ser preenchida por um pequeno armário. O móvel pode parecer desnecessário, mas seria perfeito para acomodação dos seus temperos.

Quando instalados, os móveis de um ambiente planejado não podem ser movidos. Ou seja, ficam presos na parede. Isso demanda que os planos sejam muito bem estabelecidos, especialmente num cômodo diminuto. Por isso, avalie bem suas necessidades, quantidade de utensílios, e o quanto utiliza a cozinha.

Como no modelo citado anteriormente, o ambiente de apartamentos pequenos se aproveita melhor de linhas retas. Logo, o ideal é inserir todos os móveis em apenas um lado do ambiente.

Armários podem ser posicionados tanto na parte baixa do espaço, quanto superiores. Nesse último caso, no entanto, é fundamental ter atenção à altura dos moradores da casa. O ideal é que a montagem seja de fácil alcance para o indivíduo que mais utiliza a cozinha.

Cozinha planejada com ilha

A principal característica de uma cozinha planejada com ilha é possuir uma bancada bem no meio do cômodo. Geralmente quadrada ou retangular, essa bancada cria um espaço para posicionamento dos alimentos, preparação de misturas, o picar de verduras e outros. Caso sejam inseridas banquetas à sua volta, também funcionam bastante bem para a acomodação de alguns convidados. Ou para usá-la como uma mesa no momento das refeições.

Além de ser apenas uma bancada, a ilha da cozinha pode contar com um fogão cooktop, ou até uma pia. Por isso a importância em fazer ótimo planejamento do espaço. Assim, você saberá exatamente qual função dar à estrutura.

Seja qual for sua escolha, é interessante utilizar o espaço da ilha para inserir alguns novos armários ou gavetas sob ela. Assim, a estrutura não se torna apenas “um monte de tijolos”. Os espaços embutidos vão otimizar consideravelmente o cômodo.

Simultaneamente, é fundamental ter atenção às dimensões da ilha. Primeiro, deve-se deixar espaço suficiente para o fácil trânsito em volta de toda e estrutura. O tamanho ideal é de pelo menos 70 cm de cada lado da bancada. Em relação à altura há um padrão, mas que pode ser alterado segundo a necessidade. Normalmente, uma ilha possui altura de 0,90m a 1,10m.

Ao mesmo tempo, você deve investir na iluminação. Uma ilha deve ser possuir iluminação própria, o que comumente é feito com uma lâmpada pendente. Isso vai garantir que o manuseio sobre a bancada seja fácil.

Ao mesmo tempo, lembre-se de instalar algumas tomadas em volta da estrutura. A característica vai permitir que você use equipamentos elétricos sobre a bancada. Como um liquidificador, ou uma panela elétrica de arroz.

Móveis de cozinha planejados

Móveis de cozinha planejados são o grande artifício desse tipo de ambiente. Afinal, eles são os responsáveis por aproveitar cada espaço disponível do cômodo. Para começar, você pode optar por fogão planejado ou não. Uma peça cooktop costuma ser inserida numa ilha, ou diretamente na parede. Se você já possui um fogão, porém, poderá posicioná-lo no cômodo e realizar o restante do projeto com base nele.

Os balcões também são ótimas alternativas para o espaço, mesmo que ele seja pequeno. Numa cozinha pequena, ele pode aparecer, por exemplo, no formato L. Isso aproveita um dos cantos do local, e garante inclusive maior conforto no dia a dia. Podem ainda aparecer no formato da cozinha americana, separando a cozinha de outro cômodo.

No caso de um espaço muito pequeno na cozinha, você pode aproveitar a sala para posicionar alguns utensílios. Isso não significa, porém, inserir panelas no cômodo de TV. Você pode fazê-lo apenas posicionando uma estante giratória logo na divisão entre cozinha e o outro espaço. Assim, a estante poderá ser facilmente visualizada no espaço de preparo, mesmo que instalada na sala. Isso sem qualquer prejuízo à decoração.

Se você é fã de vinhos, pode instalar também uma pequena adega na cozinha. Nesse caso, costuma ser mais interessante aproveitar a ilha, colocando as garrafas num compartimento lateral. Outra alternativa é posicionar a adega verticalmente, em qualquer espaço que encontrar disponível.

Ademais, há a incrível vantagem em instalar prateleiras na cozinha. Os apoios podem sustentar desde eletrodomésticos, até utensílios. Também são bastante versáteis para a decoração, podendo abrigar objetos “fofos”.

Armário de cozinha planejado

Sem dúvida, de qualquer modo, os destaques de uma cozinha planejada são os armários. Podendo projetar o móvel conforme sua necessidade, o consumidor tem seu espaço muito otimizado.

Um armário de cozinha planejado pode ser posicionado na parte baixa do cômodo, superior, ou até nos pequenos cantos. Mesmo quando o local é diminuto, ele pode funcionar para guardar utensílios ou temperos. É fundamental, no entanto, que os armários mais baixos tenham ao menos 20 cm de distância do chão. Além de facilitar a limpeza, a característica evita que água se acumule no solo e manche ou inche a estrutura.

São diversos os tipos de acabamentos para armários planejados. Como o MDF, material composto por fibras de madeira. Seu visual é uniforme e denso, e torna os detalhes externos do armário bastante bonitos. Inclusive porque ele pode ser facilmente pintado, adotando qualquer que seja a cor desejada pelo cliente.

Instalar vidro nas portas do armário é outra alternativa bastante bonitas. Sua utilização torna a cozinha mais moderna, e é possível utilizá-lo na frontal de portas e gavetas. Caso o objetivo seja deixar à mostra o que está dentro do armário, o ideal é a peça transparente.

Contudo, também existem as foscas e coloridas, que podem potencializar o visual “escondendo” o interior do armário. Independentemente da cor do material, porém, é fundamental que o vidro seja de segurança. Vidros de segurança se quebram com menos facilidade, evitando acidentes.

Ao mesmo tempo, é possível solicitar acabamento do armário em laminado, de baixa ou alta pressão. As opções são bastante bonitas, com proteção a arranhões e à umidade. Além, é claro, do metacrilato, uma mistura visual entre a laca e o vidro. Suas vantagens são a praticidade de limpeza e alta durabilidade.

Cozinha planejada: preço

Numa loja de móveis “comuns”, o preço de cada peça varia bastante. São muitas as opções, funcionalidades e cores, mas nem sempre atendem ao que o consumidor precisa. Ou ao espaço que ele tem disponível. Por isso a cozinha planejada é tão interessante. Ela considera exatamente o necessário e o possível, e é desenvolvida a partir destas informações.

Na hora de orçar uma cozinha planejada, porém, o preço pode “assustar”. Afinal de contas, ele com certeza será maior do que comprar os móveis separadamente. Isso porque tanto o planejamento, quanto o resultado, serão exclusivos.

Não significa, no, entanto, que não seja possível pagá-lo. As empresas e profissionais especializados no ramo costumam oferecer ótimas condições de quitação do produto.

O preço de uma cozinha planejada, de qualquer forma. Varia primeiro de acordo com a cidade do indivíduo, uma vez que os mercados são diferentes. Varia ainda devido ao espaço a ser planejado, e com o tipo e qualidade de móveis que o consumidor deseja. Até mesmo as cores da peça influenciam no custo final do investimento.

Para uma cozinha mais “básica”, apenas com armários planejados, é possível encontrar projetos por aproximadamente R$5 mil. Já um cômodo completamente planejado, incluindo armários, instalação elétrica e hidráulica e eletrodomésticos, são mais caras. Os custos, nestes casos, podem variar entre R$30 mil a R$80 mil.

Projetos de cozinhas planejadas

Como citado durante o texto, é importante que você planeje bem sua cozinha. De acordo com o que você precisa, e com o que combinará com a decoração do restante do imóvel. Para isso, é interessante fazer um pequeno esboço, desenho em papel. Com ele, você poderá apresentar melhor seu objetivo ao profissional responsável pela obra.

Porém, é possível utilizar de uma opção ainda mais interessante. Com ajuda da tecnologia, você pode acessar alguns aplicativos para planejamento 3D da sua cozinha. Com auxílio dos programas, você pode visualizar melhor o que planeja, vendo sua cozinha de todos os ângulos e com todos os móveis previstos.

O site da Midea, por exemplo, oferece um simulador de cozinha planejada. Nele, é possível indicar o estilo de cômodo desejado, o tamanho dele, e contar com algumas sugestões de móveis e formatos. Ao fim, você uma ideia mais visual do que deseja.

Outros programas online e gratuitos também estão disponíveis para a tarefa. Como o Autodesk Homestyler, bastante simples de manusear. Com ele, é possível fazer tanto a decoração, quanto a arquitetura. É possível escolher entre mais 40 mil tipos de produtos, e visualizar o resultado de forma panorâmica em 360°.

Utilizar o Planner 5D é igualmente interessante. O aplicativo possui uma série de modelo pré-concebidos, que facilita o processo de planejamento. Assim como o Sweet Home 3D online que, por sua vez, conta com uma série de vídeos e guias para auxiliar no desenvolvimento. Tal qual o Free 3Dream Basic.

Cozinha planejada fotos

Outra dica para você montar sua cozinha planejada é se basear em algumas fotos. Verificando as ideias de outros consumidores, você terá maior noção do que é legal investir para o seu espaço.

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.