100+ Fotos de Espelhos Bisotados na decoração

Advertisements

O espelho é um objeto comum e bastante útil dentro de casa. Afinal, é graças à peça que podemos verificar a aparência antes de ir ao mundo, e assim conseguimos evitar pequenos constrangimentos por uma roupa fora do lugar ou uma “sujeirinha” no rosto. Só que mais que um item de utilidade, o espelho é uma alternativa bastante interessante para a decoração do lar. Cheio de estilos, molduras, formatos e tamanhos, seu design pode se encaixar em qualquer ambiente. Entre todas as opções, uma das mais elegantes é o chamado espelho bisotado.

O espelho bisotado é uma peça com o acabamento bisotê. Isso significa que as bordas dos objetos são trabalhadas, e ganham um arremate em angulação. Assim, ao invés de reta como espelhos comuns, o item tem suas bordas com leve inclinação.

Além da angulação, as bordas com acabamento bisotê são polidas, ganhando um brilho maior. O resultado é uma peça delicada, com leveza, e uma moldura criada no próprio vidro. Para um belo efeito, as extremidades têm tamanhos variados, entre 0,5cm e 3 cm, dependendo da dimensão e formato do espelho. Quanto mais espesso o vidro, maior é sua borda, para que ele não se quebre facilmente.

Graças às bordas trabalhadas, o espelho bisotado também passa a ideia de maior amplitude. Isso porque, ao invés de finalizar nos cantos do item, a imagem refletida acaba sendo “levada” às bordas inclinadas.

A aura criada é ainda bastante elegante, o que faz da peça uma ótima alternativa para decoração. Decoração de qualquer espaço: quarto, sala, banheiro, pilastras, teto, de casa ou espaços comerciais. Desde que alguns cuidados sejam tomados, como a instalação correta da peça, o bisotê só tem a agradar!

Espelho bisotado: por que usar?

A primeira vantagem em se utilizar um espelho bisotê é a variedade de tamanhos e formatos disponíveis no mercado. Você, consumidor, pode escolher entre peças redondas, quadradas, retangulares, em triângulo ou mesmo com formato irregular, mais curvilíneo. Os tamanhos conseguem incluir peças delicadas e pequeninas, ou então outras que podem sobrepor grandes espaços de uma só vez.

Além disso, um espelho com esse tipo de acabamento dispensa o uso de uma moldura. Afinal, as bordas trabalhadas já oferecem essa característica. O que não significa, no entanto, que é impossível associar o vidro e um quadro. Inserir um bisotado numa bela moldura cria charme ainda maior à peça. Porém, é preciso ter cuidado na escolha da moldura e compra do vidro, pois as peças incorretas poderão deixar as bordas do espelho escondidas. Se for este o caso, de nada adiantará ter as bordas do vidro trabalhadas.

Espelho para banheiro

Um espelho para o banheiro deve, acima de tudo, facilitar o dia a dia. Ou seja: ele deve refletir as imagens, e não servir apenas como ornamentação. Por isso, o ideal é escolher uma peça em prata, que proporciona reflexos mais claros. Itens dourados – sim, existem espelhos dourados e de outras cores! – devem ficar para outros cômodos, como a sala ou hall de entrada.

Uma opção bastante funcional e bonita para o banheiro é um espelho bisotado que cubra toda a parede. A escolha ainda cria a sensação de maior amplitude do banheiro, e dá ar mais sofisticado ao espaço.

No entanto, escolher peças menores, e até redondas, também é possível. Tudo depende do restante da composição do lavabo, e o que combina com ele.

Bisotado para sala

Talvez você nunca tenha pensado em utilizar espelhos na sala. Seja no cômodo de TV ou para o jantar, uma peça de vidro é uma opção cheia de potencial, pois consegue ampliar o espaço. Além disso, a duplicidade criada pelo reflexo gera sensação de conforto e reconhecimento no cômodo.

São muitas as alternativas do uso do espelho bisotado na sala. Próxima a mesa de jantar, é interessante inserir uma peça de parede inteira, horizontal, ampliando o espaço horizontalmente. Para outras partes do espaço, espelhos emoldurados como peças clássicas são belíssimas alternativas.

Quando se deseja dar destaque a um objeto, basta inserir um espelho na parede oposta a ele. Assim um vaso, um instrumento musical, um sofá serão duplicados e ganharão maior atenção.

É importante, de qualquer forma, sempre evitar posicionar os itens em paredes que recebem muita luz solar. Do contrário, o espelho pode criar reflexos desconfortáveis. O mesmo em relação ao aparelho de televisão: o vidro não deve ficar nem no lado oposto, nem na parede de trás da TV, pois pode incomodar muito na visualização das imagens.

Até os móveis podem receber os bisotê, ou outros espelhos! Inserir uma peça como topo da mesa de centro ou de jantar, ou nas portas de um armário, cria elegância no cômodo.

Quarto e bisotê

Utilizar espelhos no quarto é algo que merece cuidado. Afinal, o espaço deve ser algo mais aconchegante, e o exagero de peças refletoras pode causar certo cansaço. Assim, o melhor é escolher um pedaço do cômodo para receber o bisotê, como uma única parede ou algum móvel. Desta forma, o belo e elegante do item serão utilizados de forma mais satisfatória.

Como usar o bisotê?

Na hora de escolher o espelho bisotado, além dos formatos e tamanhos, o consumidor pode adquirir peças com diferentes formatações. Isso porque há a possibilidade de montar “paredes” com diversas peças juntas, ou quem sabe um desenho geométrico formado por vários pequenos espelhos. Basta utilizar a criatividade.

Para montar as peças, de qualquer forma, é importante cuidado. Afinal, a borda trabalhada desse tipo de vidro torna a peça pouco mais frágil nas pontas. Ou seja, caso receba impactos na montagem, mesmo que pequenas, as bordas podem trincar.

Para evitar acidentes, uma dica é proteger os cantos do item com fita crepe. Assim, caso a borda se arraste na parede, ela estará protegida e terá menos chance de trincar. Considerando ainda que os espelhos costumam ser pesados, é importante contar com um profissional na instalação, ou ao menos com ajuda de outra pessoa para suspender e fixar o objeto adequadamente.

Preço da peça

O preço de um espelho bisotado varia bastante. Varia de acordo com o tamanho da peça, com sua espessura e o tipo de acabamento utilizado no objeto. Varia também pelo formato do vidro, e se há ou não uma moldura externa associada às bordas.

Assim, para obter os melhores valores, é importante procurar uma vidraçaria de qualidade e realizar o orçamento. Além de valores exatos, esse tipo de serviço tem como vantagem a possibilidade de obter um espelho feito sob medida!

Confira alguns exemplos do uso de espelhos bisotê:

 

 

 

DIGITAL CAMERA

Veja também

 

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.