Como organizar os armários da cozinha?

A cozinha é um dos ambientes mais importantes da casa brasileira. É nesse setor do imóvel que as famílias preparam suas refeições. O alimento disponível fará com que todos se reúnam no espaço.

Mas muitas vezes, essa será somente uma desculpa para a confraternização. É por isso que o ambiente precisa ser bem mobiliado, equipado e decorado. Veja exemplos no texto a seguir!

Maria Luisa Mendes

O que tem de diferente em uma cozinha contemporânea

Cozinha é, portanto, um setor funcional da casa. Mas, ela deve oferecer também muito conforto aos usuários. Atualmente, com o avanço das tecnologias, existem várias opções disponíveis para deixar o cômodo mais bonito e cheio de possibilidades operacionais.

Além dos eletrodomésticos tradicionais, como fogão e geladeira, o cozinheiro pode se valer também de muitos outros aparelhos e utensílios.

Em uma cozinha contemporânea mais luxuosa, o arquiteto de interiores deve deixar espaço para itens elétricos diferentes. São exemplos cafeteira, mixer, forno, máquina de lavar pratos, panela de pressão, panela de arroz e mais. Fora isso, pra quem gosta de preparar seus próprios alimentos, será preciso vários armários e balcões para pratos, panelas e todo o mais.

Uma cozinha preparada para um verdadeiro chef que se preze tem que ter muitas prateleiras, nichos, gavetas, torres, suportes e mais.

E aí que entra a questão dos móveis planejados. O ideal é que o ambiente – de pequenas ou grandes dimensões – seja bem pensado, projetado, para oferecer todos os espaços necessários para se guardar os objetos. Também se deve avaliar a questão da circulação no local.

Grazielli Vadilletti

A importância de uma manutenção correta da cozinha

Tem um ditado na arquitetura que diz que “o maior inimigo da profissão, às vezes, é o próprio cliente”. Isso porque, não adianta o profissional criar um espaço bem dimensionado, bem setorizado, com tudo funcionando perfeitamente.

O usuário, posteriormente, tem que saber lidar com todos estes móveis e equipamentos. Ele precisa tomar conhecimento de como fazer a manutenção constante desse espaço. Do contrário, tudo pode se deteriorar.

Casa Aberta

É importante que o dono do imóvel pesquise como fazer corretamente a limpeza dos armários e balcões, tampos, pisos, paredes e utensílios. Cada produto vem com especificações dos fabricantes, orientando o que pode ou não ser aplicado sobre as superfícies.

Alguns agentes, como a água sanitária, são corrosivos e podem danificar completamente as peças de decoração e revestimentos da cozinha.

Além da limpeza, tem a questão da organização interna dos armários e balcões. Os antigos diziam que a casa de algumas pessoas é “na frente rococós, atrás tiras e nós”. Esse ditado ensina que não adianta, na aparência, as coisas serem bonita, se o interior é feio, sujo e desorganizado.

Uma regra que, aliás, também vale para a cozinha. Seu bom funcionamento depende de que cada coisa esteja em seu devido lugar!

Érica Salguero e Yamagata Arquitetura

Como organizar os armários e balcões da cozinha

O layout de uma cozinha pode assumir muitas formas diferentes. Tudo vai depender do tamanho do cômodo; dos pontos de saída de água, gás e esgoto; dos pontos de energia elétrica; e a rotina dos moradores da casa.

O arquiteto pode desenhar a planta em “fita”, em “L”, em “U” ou outras formas. Assim como também pode colocar apenas balcões, como também armários aéreos, colunas e muito mais módulos.

Área sobre o tampo

No dia-a-dia a área de tampo sobre os balcões pode ficar vazia, sem objetos expostos. Mas, este também é um bom lugar para as pessoas deixarem ao alcance das mãos a batedeira, o liquidificador e outros aparelhos similares.

Tem gente que até prefere guardar estes objetos dentro de armários fechados ou então em nichos abertos. Mas, isso fica a critério do dono do imóvel.

Iara Kilaris

Próximo da pia e do fogão é possível deixar a mostra, preso a parede, vários outros itens. Existem modelos de suportes especiais para cozinhas. Alguns servem para organizar vidros de temperos.

Também tem aqueles próprios para escorredor, porta-papel, xícaras, concha, colher, espumadeira e mais. E ainda as fitas magnéticas imã para facas. Tudo isso facilita demais as atividades do cozinheiro!

Marília Veiga

Balcões e armários

Cada pessoa tem suas preferências de como organizar os objetos dentro de armários e balcões de cozinha. Mas, numa hora dessas, há boas sugestões dos fabricantes de móveis que podem ser seguidas. Panelas e outros itens mais pesados devem ficar nos módulos inferiores.

Eles têm sempre um maior reforço estrutural para aguentar a carga; e ainda podem ser reforçados com pontos de apoios extras, como pés.

Kali Arquitetura

Tudo que for ser mais utilizado no dia-a-dia deve ficar a frente e mais a perto – na altura dos braços – dentro dos armários, sem que a pessoa tenha que se curvar ou subir em escada.

Também nos módulos inferiores, mesmo nível das panelas, é melhor que fiquem os condimentos. E em gaveteiros, os talheres, os descansa-pratos, as toalhas, os produtos de limpeza e mais.

Mauricio Arruda e Renata Basques

Já nos módulos superiores, indica-se colocar os objetos menores. São exemplos os pratos, as vasilhas práticas, as xícaras, os copos, os pires e outros. Para estes itens menores, já existem suportes metálicos aramados que ajudam na organização.

Olegário de Sá & Gilberto Cioni

Eles permitem que a distância entre uma prateleira e outra seja mais bem aproveitada. O ganho de espaço, nesses casos, é mesmo impressionante!

AH!SIM ; Revista Viva Decora

Geladeira

A geladeira é outro ponto da cozinha planejada que precisa ser constantemente limpo e organizado.

Para garantia de uma boa saúde, é importante que a pessoa revise semanalmente a validade e a condição em que se encontram os alimentos – mesmo os congelados. E nunca é demais ler o manual do aparelho para entender como fazer a regulagem da temperatura nas diferentes estações do ano.

Itens do café da manhã – como manteiga, queijo e presunto – devem ficar no lado da geladeira e nas prateleiras mais ao alto. Seguindo este raciocínio, muitos fabricantes fizeram, no local, gavetas para carnes e ovos.

Mais abaixo, seguindo esta sequência, devem estar as frutas, outros potes com comida – que logo será consumida – e as bebidas. E nas gavetas inferiores, os legumes e as verduras.

Gostou das dicas? Agora, revise a sua cozinha. Estude como melhorar o layout do cômodo; assim como sua limpeza e organização. Depois disso, certamente o ambiente ficará mais agradável para você cozinhar, preparar as refeições e receber a família!

Estas dicas de organização de cozinha foram criadas pela equipe Viva Decora.

 

você pode gostar também

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.