Fazer a aplicação de sinteco pode deixar seu piso mais bonito e cuidar da sua durabilidade. Mas é interessante que um profissional faça essa aplicação. Assim, você terá resultados melhores e prolongados.

O sinteco nada mais é do que uma resina transparente. Ele pode ser aplicado em assoalhos de madeira maciça e tem como objetivo, proteger, renovar e tratar o piso.

Também conhecida como verniz, essa camada tem durabilidade média de oito anos. Mas isso pode variar conforme as condições do ambiente e aos elementos a que a madeira está exposta. Como a temperatura do espaço, a luz do sol, umidade e mais.

De qualquer modo, lembre-se que o ideal é evitar umedecer a madeira. O melhor é que ela fique o mais longe possível da água, ou pode encharcar. Mesmo que o verniz previna parte destes danos pela água, eles vão acontecer se você permitir.

Tipos de sinteco para o piso

Existem três tipos de sinteco, que você pode escolher de acordo com o visual que desejar dar ao piso. São eles: o sinteco brilhante, o fosco e o acetinado.

Como seu nome sugere, o verniz brilhante dará uma camada de brilho reluzente à superfície, se aplicado. Já o fosco vai manter o visual natural da madeira, fosco.

Enquanto isso, a aplicação de sinteco acetinado garante um semibrilho ao piso. Ele tem um aspecto brilhante, mas não tanto quanto o verniz deste tipo. Normalmente, o sinteco semibrilho é aplicado em grandes espaços, como a sala do imóvel.

Além do belo visual, as opções de verniz dão à madeira maior resistência a abrasões. Dessa forma, a superfície fica livre de riscos e arranhões causados pelo tráfego do dia a dia.

O produto não tem cheiro forte, nem durante a sua aplicação, nem depois. Então, ele não costuma incomodar pessoas alérgicas ou mais sensíveis a odores.

Abaixo, nós falamos mais sobre as vantagens e desvantagens da aplicação de sinteco. Apresentamos também o passo a passo necessário para cuidar do piso com o produto. Continue lendo!

Vantagens de usar o sinteco

sinteco no piso

Nós já citamos algumas das vantagens de usar o sinteco no piso no começo do texto. Como a proteção que ele garante à superfície, especialmente contra abrasões.

Mas, além desse, há vários outros benefícios de usar do produto no piso. Veja abaixo.

Proteção contra fungos

A aplicação de sinteco no piso de madeira garante à superfície proteção contra fungos. Assim, ela não apodrece, nem mofa ou sofre som problemas semelhantes.

O produto também protege o assoalho contra cupins. Assim, caso sua casa sofra com alguma infestação desses insetos, seu piso não será atacado. Você terá tempo para combater a praga.

Durabilidade do piso

O sinteco tem durabilidade de cerca de oito anos. Dependendo das condições do seu espaço, porém, ele pode durar até 12 anos — uma ótima marca para a proteção.

Com essa durabilidade e as proteções que já citamos, o produto garante também a durabilidade do piso. Assim, você não precisará trocar ou fazer grandes manutenções na superfície tão cedo.

Elasticidade do sinteco

O piso de madeira costuma sofrer certa dilatação com a variação de temperatura e condições do ambiente. A boa notícia é que o sinteco é elástico o suficiente para também se dilatar, acompanhando movimento natural da superfície.

Fácil de limpar

Bastam alguns cuidados básicos para manter o piso com sinteco limpo. Nós falaremos sobre eles logo mais.

Beleza da superfície

Com o sinteco aplicado, o assoalho fica parecendo novo por muito mais tempo. Isso confere certa beleza à superfície e a todo o ambiente, que sempre vai parecer bem cuidado.

Desvantagens da aplicação de sinteco

Apesar dos vários atrativos de aplicar o sinteco no piso, existem alguns pontos que podem trazer certo incômodo. Leves, mas que você precisa conhecer antes de optar pelo produto.

Por exemplo: você não vai poder deixar umidade sobre o piso. Se isso acontecer, ele poderá manchar e até inchar, dependendo da quantidade de líquido sobre ele.

Além disso, o sinteco não pode ser limpo com produtos simples, como desinfetantes, limpadores e ceras. Isso já que esses materiais podem agredir a resina e até retirá-la do piso.

Mas as desvantagem da aplicação de sinteco não passam dessas. Com cuidados básicos, você poderá manter a superfície com o produto sempre limpa e bonita.

Como fazer a aplicação de sinteco?

Como explicamos no começo do texto, é essencial que você contrate um profissional para fazer a aplicação de sinteco no seu piso. Isso vai garantir que o trabalho seja bem-feito, sem gerar falhas e manchas.

Ao mesmo tempo, o trabalho de um profissional vai facilitar que a resina dure pelo tempo esperado. Se você fizer a aplicação, a resina terá durabilidade bem menor, e terá que ser aplicada em breve.

piso com sinteco

De qualquer forma, é importante conhecer o passo a passo dessa aplicação. Assim, você poderá acompanhar o trabalho do profissional e saber se ele está fazendo tudo da forma correta. Acompanhe as etapas que listamos!

Preparação do piso

O primeiro passo para usar o sinteco é preparar o piso no qual ele será aplicado. Começando por limpar a área, com uma vassoura e um pano úmido. Deixe secar completamente. Você pode realizar essa etapa antes de contratar o profissional, para agilizar o processo.

Em seguida, será preciso lixar a raspar toda a superfície. Isso vai eliminar qualquer irregularidade e o verniz antigo da madeira.

O lixamento costuma ser feito com lixa grana 180, 240 ou com grana de 280. O lixamento é feito no sentido dos veios da madeira.

Então, o profissional vai aplicar massa nas fissuras que estiverem presentes. Dessa forma, ele vai evitar que o verniz se acumule nessas fissuras.

Tudo isso vai garantir também que o verniz tenha uma boa aderência na superfície. Limpe a área com uma vassoura, para eliminar o pó.

O sinteco será aplicado com um rolo, por meio de movimentos uniformes em todo o piso. Normalmente, são aplicadas duas demãos do produto.

Após essa aplicação, é importante aguardar, pelo menos, 48 horas. Só então libere a superfície para a circulação das pessoas. O cuidado vai evitar que apareçam manchas ou que o sinteco seja retirado.

Cuidados importantes com o sinteco

Para garantir a durabilidade do sinteco, é essencial tomar alguns cuidados com a superfície. Por exemplo: não deixe o piso exposto à luz solar, pois a luminosidade e o calor podem desbotar o sinteco. Listamos outras dicas abaixo.

  • Nos primeiros 30 dias após a aplicação de sinteco, limpe a superfície apenas com uma vassoura. Não umedeça o piso de forma alguma. Isso vai garantir que o verniz seque completamente, sem sofrer alterações.

  • Passados 30 dias, você poderá usar um pano úmido para a limpeza. Mas nunca deixe qualquer umidade acumulada sobre o piso. Após usar o pano úmido, passe um pano seco sobre a superfície.

limpeza piso sinteco

  • Use apenas água, pura, para a limpeza do piso. Produtos como o detergente, álcool, sabão e outros podem danificar o verniz.

  • Você também pode usar produtos específicos para o sinteco. Eles estão disponíveis no mercado.

  • Se desejar, você pode umedecer o pano com um pouco de vinagre e passar sobre o sinteco. Isso vai dar um up no brilho da superfície.

  • Não jogue água, ou deixe cair qualquer líquido sobre o piso. Se isso acontecer, seque imediata e completamente.

  • Com a aplicação de sinteco, você não vai precisar usar cera no piso. Até porque, isso deixaria a superfície cheia de manchas e com um aspecto engordurado.

  • Ao perceber que o verniz está perdendo o seu visual original, você pode fazer uma nova aplicação de produto. Mas, se ele tiver sido aplicado corretamente da primeira vez, essa manutenção deve demorar anos.

Preço do sinteco

Agora que você já conhece tudo sobre o sinteco, deve estar se perguntando o quanto ele vai te custar. Bom, o custo varia de acordo com a região do Brasil e com a loja em que você vai adquirir.

Por isso, é importante pesquisar bastante entre os preços antes de adquirir o produto. Dessa forma, você terá a certeza de encontrar o produto mais em conta disponível perto de você.

De qualquer forma, o preço médio do sinteco é de R$ 30,00 por metro quadrado. Sua compra pode ser feira em lojas e depósitos de construção, e também na internet.

Vale dizer que o custo citado não inclui a contratação do profissional que vai fazer a aplicação de sinteco. De novo, você vai pesquisar entre os trabalhadores ou empresas disponíveis próximos de você.

Escreva um Comentário