Melhor Inversor de Solda: Melhores modelos em 2020

Máquinas de soldar são ferramentas muito comuns em atividades no setor de construção, serralheria, funilaria e bricolagem em geral. Mas ao contrário que muitos imaginam, é possível executar soldagens por conta própria, não sendo uma tarefa exclusiva de profissionais. Para isso, você pode contar com um inversor de solda ou solda inversora – uma evolução da solda convencional.

Agora, você não precisa nem de um grande investimento em máquinas e ferramentas. Além de mais barato, o inversor de solda é uma alternativa mais eficiente e menos pesada do que os modelos de soldas convencionais de transformadores.

E o melhor de tudo é que já existe uma gama enorme de modelos de inversores de solda no mercado, embora muita gente ainda duvide da sua confiabilidade e resultado apresentado.

No entanto, apesar de ser uma nova tecnologia, o inversor de solda é uma máquina muito eficiente. Por outro lado, é preciso ficar atento aos critérios que determinam a qualidade do produto e a sua indicação de uso, como potência, amperagem e tipos de eletrodos, tecnologias, entre outros.

Assim, para lhe ajudar na escolha do melhor inversor de solda, selecionamos abaixo os melhores modelos e incluímos um guia completo para facilitar a sua compra.

Confira a seguir!

Seleção dos melhores inversores de solda do mercado!

Para quem nunca usou ou não tem contato frequente com ferramentas ou equipamentos de soldagem, escolher o melhor inversor de solda pode ser complicado. Mas para te ajudar, selecionamos alguns modelos de maior popularidade e aceitação do mercado, com as melhores avaliações de consumidores.

Veja abaixo:

Inversor de Solda Spin Power – VULCAN

Máquina Inversora de Solda 160A Spin Power SP160P-VULCAN-80708

Última Atualização foi em: 19 de outubro de 2020 22:28
Em estoque
R$ 645,00

Embora esse modelo de inversor de solda Spin Power da Vulcan seja um modelo para profissionais, ele está em uma faixa de preço bastante acessível. Isso também não significa que você não possa mesmo não sendo um profissional.

Ele conta com tecnologia de eletrodo revestido na solda, sendo mais indicado para serviços de soldagem em diversos materiais, como metais, aço-carbono ou inoxidável e ferro fundido. A máquina é bastante resistente e durável, e pesa cerca de 5 kg.

Além de soldar, pode ser utilizado utilizadas para reparar vários tipos de objetos, como peças mecânicas e até mesmo ferramentas e máquinas industriais. O inversor acompanha cabo com garra negativa, cabo com porta eletrodo, máscara de proteção para solda, escova de aço, alça de sustentação e Manual técnico.

PROS:

  • Uso profissional
  • Variedade de materiais
  • Preço acessível
  • Tipo de eletrodo revestido
  • Potência/Capacidade Máxima: 5,6 Kva/5600Watts
  • Garantia de 6 meses

CONTRA:

  • Pesado

A Mais prática e portátil

Inversor de Solda AK230 Mini – USK

Maquina Inversora De Solda Mini 230 220V 2 Anos De Garantia

Última Atualização foi em: 19 de outubro de 2020 22:28
out of stock

Este modelo de inversor de solda da USK tem tecnologia de eletrodos revestidos de até 4.00 mm em 220V. Ele é pequeno e portátil, pesando apenas 2,3 kg. Pode ser usado em diversas superfícies como ferro, inox, alumínio, de alta, média e baixa penetração.

Ele acompanha alguns acessórios como porta eletrodos, escudo de solda, escova de aço e tiracolo. Em se tratando de desempenho, o ciclo de trabalho é 101A a 100% e 130A a 60%. Uma ótima opção para quem busca uma ferramenta prática e portátil.

PROS:

  • Prático e portátil
  • Tecnologia de eletrodos revestidos
  • Leve
  • Variedade de superfícies
  • Garantia de 2 anos

CONTRA:

  • Apenas em 220V


Inversor de solda portátil Touch 145 – Boxer

Maquina De Solda Portatil Inversora Potente Boxer 140amperes- 127v

Última Atualização foi em: 19 de outubro de 2020 22:28
out of stock

O inversor de solda Touch 145 da Boxer é ideal para desempenhar pequenos e médios serviços de serralheria em geral, serviços em altura ou para quem busca uma máquina profissional altamente dinâmica, prática e portátil.

Ele é leve e compacto, fabricado com tecnologia de ponta e construído com componentes de alta qualidade. Ele conta com controle de Arco Inteligente em tempo real, Hot Start, Arc Force, Anti Stick, Display Digital, botão de seleção Eletrodo ou TIG.

Sua conexão é simples, rápida, segura, eficiente e com menor perda de energia. As suas soldas são limpas e de excelente qualidade, sem escória. Além disso, traz um melhor acabamento do cordão de solda, menor aquecimento de peça soldada, ausência de respingos, proteção contra superaquecimento e se adapta automaticamente às variações de tensão da rede.

Ideal para soldar metais ferrosos, ferro fundido, aço inox, aço carbono com alta eficiência energética. Pode ser usada com gerador de 5 KVA e acompanha cabo com porta eletrodo, cabo com garra negativa, máscara de solda, escova limpa escória, alça tiracolo e bolsa para transporte.

PROS:

  • Variedade de materiais
  • Leve e portátil (2 Kg)
  • Proteção contra superaquecimento
  • Eficiente no consumo de energia
  • Garantia de 15 Meses

CONTRA:

  • Apenas em 127V

O melhor custo-benefício

Inversor de solda Handy Arc 130I – Esab

Inversor Handy Arc 130I, Esab, 734001.0

Última Atualização foi em: 19 de outubro de 2020 22:28
Em estoque
R$ 1.159,40

A nova linha Handy Arc da fabricante Esab fez questão de trazer um novo conceito de máquinas ultra portáteis, ideais para profissionais que precisam fazer pequenos reparos fora de suas oficinas.

Esse modelo é leve (3 kg) e portátil, por isso pode ser facilmente transportado e armazenado em qualquer lugar. Além disso, conta com uma excelente soldabilidade com eletrodos revestidos e fácil abertura de arco. Ele pode soldar todos os tipos de materiais e conta com a função Turbo Refrigeração, além de painel simples e fácil de usar.

PROS:

  • Leve e portátil
  • Simples de usar
  • Eletrodos revestidos
  • Variedade de materiais

CONTRA:

  • Preço alto
  • Apenas 220V


Inversor de solda 200A mma/Tig Lift Smi200 – Intech Machine

Máquina de Solda Inversora 200A mma/Tig Lift Smi200 Intech Machine (220V)

Última Atualização foi em: 19 de outubro de 2020 22:28
Em estoque
R$ 659,90

O inversor de solda SMI200 da Intech Machine é uma fonte de energia para soldagem que retifica, filtra e converte a energia elétrica AC através de um circuito eletrônico, oferecendo como resultado uma corrente mais estável, suave e controlada do que a oferecida pelos transformadores comuns.

Este modelo pode ser usado em pequenas serralherias e oficinas, na fabricação ou montagens de estruturas leves, em manutenções em geral, para uso profissional ou apenas um hobby.

Ele possui dois processos de soldagem: por eletrodo revestido (MMA) e TIG Lift tocha seca com gás (tocha seca não inclusa), a fim de soldar uma enorme gama de materiais como aço carbono, aço inoxidável, liga de aço e ferro fundido.

Ele é indicado para trabalhos com eletrodos rutílicos e básicos de até 3,25mm
(MMA) e eletrodos de tungstênio de até 2,4mm (TIG Lift). Além disso, possui um amplo ajuste da corrente de soldagem, regulado por uma manivela rotatória no painel frontal, além de um sistema de refrigeração por ventilador e um sensor de temperatura que indica eventuais sobreaquecimento.

Além de todos estes recursos e funcionalidades, ele ainda vem repleto de acessórios, como um cabo de solda com porta eletrodos, um cabo de solda negativa com garra, uma máscara, uma escova de aço e um picador de solda.

PROS:

  • Compacto (4,0 kg)
  • Eletrodo revestido e TIG Lift com tocha seca
  • Amplo ajuste de corrente de soldagem
  • Sensor de temperatura
  • Garantia de 12 meses

CONTRA:

  • Não muito leve

Guia para escolher o melhor inversor de solda

Para escolher o melhor inversor de solda é preciso conhecer bem o equipamento.

Para escolher o melhor inversor de solda é preciso conhecer bem o equipamento.

Com relação à escolhas de ferramentas, é essencial ter uma base de conhecimento sobre o que são, como funcionam e os tipos ou variações disponíveis no mercado para que você não acabe comprando algo que não precisa ou que não seja adequada ao serviço.

Sabendo exatamente o que procura, você vai conseguir eliminar algumas opções, ficando apenas com aquelas que você realmente precisa. Assim, a escolha do modelo mais adequado às suas necessidades fica mais fácil e você não desperdiça tempo nem dinheiro.

Por esse motivo, explicaremos abaixo tudo o que você precisa saber para escolher o melhor inversor de solda do mercado.

Leia a seguir:

O que é um inversor de solda?

O inversor de solda ou solda inversora é uma inovação no modo de soldar. Um tipo de soldador que possui várias vantagens em comparação aos soldadores convencionais. Isso porque a máquina usa tecnologia sofisticada à base de silício, ao invés de cobre ou alumínio utilizados nos transformadores e retificadores.

Mas uma das suas maiores vantagens é ser pequena, compacta e portátil, permitindo que a ferramenta seja transportada para qualquer local de trabalho. Por utilizarem transformadores muito menores que as máquinas de soldar convencionais e robustas, o inversor de solda pesa pouco e, por isso, é mais prático e fácil de usar.

Vantagens e desvantagens do inversor de solda

Embora muitas pessoas ainda possuem dúvidas em relação ao inversor de solda comparado as soldadoras convencionais, o equipamento pode superá-las completamente pelas vantagens que pode oferecer.

Mesmo assim, ainda existem algumas desvantagens que cada um deve avaliar antes de investir no melhor inversor de solda. Veja a seguir:

VANTAGENS:

  • Menor, mais compacto e portátil
  • Possui transformador de silício
  • Utiliza tecnologia IGBT de eletrodo revestido ou TIG Lift com tocha seca
  • Gasta menos energia
  • Utiliza conectores normais domésticos
  • Opera em tensões mais baixas
  • Possui potência de saída ajustável e ampla

DESVANTAGENS:

  • Manutenção alta
  • Estrutura complexa
  • Quantidade maior de componentes eletrônicos

Inversor de solda X solda tradicional

Apesar de já mencionarmos as vantagens que um inversor de solda pode trazer em relação à solda tradicional, é sempre bom comparar de fato as duas opções para que todas as dúvidas sejam sanadas e voc6e possa avaliar as suas necessidades com mais precisão.
É comum que ferramentas de mesma finalidade ofereça uma variedade de modelos e configurações. Mas cada uma vai manter suas particularidades que serão mais específicas a cada finalidade de uso.

Portanto, é importante avaliar todas essas diferenças entre os dois equipamentos para fazer uma escolha mais acertada. Veja a seguir a comparação entre o inversor de solda e a solda convencional:

CaracterísticasInversor de soldaSolda convencional
Tecnologiaà base de silícioTransformadores de alumínio e cobre
Tipo de correnteContínua (DC)Alternada (AC)
Peso e tamanhoMais leve e compactoPesada e grande
MobilidadePortátilFixa
PotênciaDe 55 até 250 ADe 55 a mais de 250+ A
Consumo de energiaMenorAlto
Ajuste de saídaDe 10 a 100%Até 3 ajustes
DurabilidadeMenorMais longa
Componentes AtualizáveisNão atualizáveis
ManutençãoAltoBaixo

Indicações de uso para inversor de solda X convencional

Mesmo comparadas, o inversor de solda e a solda convencional podem ser mais adequadas a finalidades de uso mais específicas.

Por isso, cada modelo vai ser mais adequado ou não, dependendo de como você vai utilizá-las, das condições em que costuma realizar os seus trabalhos, além do seu gosto pessoal.

Dessa forma, cada uma vai servir a um propósito, veja abaixo quando uma ou outra são mais indicadas:

O inversor de solda é mais adequado quando:

  • É preciso soldar com diferentes processos em uma mesma máquina (MMA, MIG, TIG ou FCAW);
  • A máquina precisa ser transportada de um lugar ao outro;
  • Necessita-se soldar em diferentes materiais ou tipos de metal;
  • É necessário ajustar com precisão os níveis de energia;
  • Importa a aparência moderna, telas sensíveis ao toque e parâmetros de ajuste;
  • Realiza-se soldagem em ambientes fechados e controlados.

Já uma solda tradicional é mais adequada quando:

  • É preciso apenas um processo de soldagem
  • Não há necessidade de mover a máquina
  • Faz-se sempre a mesma soldagem
  • É necessário no máximo 3 níveis de ajuste
  • Uma máquina com dois ou três botões é suficiente
  • Realiza-se soldagem externa em ambientes empoeirados ou sujos

Perigos comuns ao utilizar um inversor de solda

É sempre bom alertar sobre os perigos que envolvem as tarefas de soldagem, seja para quem está realizando a atividade ou para quem estiver próximo e, principalmente para iniciantes no manuseio da ferramenta.

Portanto, além de tomar consciência dos riscos e perigos que a soldagem pode trazer, é extremamente importante adotar todas as medidas de proteção necessárias ao manusear o equipamento, mesmo ele sendo o melhor inversor de solda.

São eles:

Descargas de energia e choques elétricos

Um dos riscos mais sérios na soldagem, que pode causar ferimentos graves e até morte, tanto por descarga direta de energia, quanto por queda de altura após a descarga. Além disso, há o risco de choques elétricos ao tocar no circuito ou eletrodo ao mesmo tempo que no metal a ser soldado.

Ruídos

A soldagem expõe a ruídos altos e prolongados, podendo causar perda auditiva permanente. Por exemplo, considera-se ruído alto algo acima de 85 dB (decibéis), sendo que a soldagem pode produzir níveis superiores a 100 dB.

Exposição à radiação UV e IR

A luz UV intensa produzida durante a soldagem, sem EPI ou cortinas de soldagem, pode causar queimaduras e lesões na córnea, que variam de gravidade de acordo com a distância, duração e ângulo de penetração. Além disso, a exposição prolongada aos flashes de arco também pode causar catarata e perda de visão.

Inalação de fumaça e gases

A soldagem exala gases invisíveis, como ozônio, óxidos de nitrogênio, óxidos de cromo e níquel e monóxido de carbono. Eles penetram facilmente nos pulmões e, dependendo do gás ou fumaça, concentração e duração dessa exposição, podem causar danos respiratórios graves.

Queimaduras

A soldagem produz calor, em altas temperaturas, sendo que a combinação de arcos, raios UV e metal fundido podem causar queimaduras graves rapidamente, na pele ou nos olhos, se não usar a proteção adequada.

Medidas de segurança para usar inversor de solda

Depois de tomar consciência dos perigos e riscos que envolvem a soldagem, é importante que você tome sempre as devidas precauções ao utilizar um inversor de solda.
Para isso, você deve sempre utilizar equipamentos de proteção individual (EPI) por conta própria ou se for designado para realizar essas tarefas. Portanto, é sua obrigação fornecer ou providenciar os seguintes equipamentos:

  • Capacetes de soldagem com proteção lateral para proteger da radiação UV, partículas, detritos, escória quente e queimaduras químicas;
  • Capuz resistente ao fogo sob o capacete para proteger a parte de trás da cabeça (nuca);
  • Respiradores específicos para proteger da fumaça e de óxidos;
  • Roupa resistente ao fogo que protegem do calor, fogo e radiação, além de evitar queimaduras;
  • Protetores auditivos resistentes ao fogo para proteção contra ruídos;
  • Botas com sola de borracha e biqueira de aço protegem de choque elétrico, calor, fogo, queimaduras e queda de objetos, além de luvas resistentes ao fogo.

Além desse equipamentos, o ideal é passar por um treinamento apropriado antes de usar a ferramenta, além de garantir de que o espaço de trabalho não tenha materiais inflamáveis.

Voltar ao menu ↑

Como escolher o melhor inversor de solda

O melhor inversor de solda precisa ser adequado ao serviço de soldagem.

O melhor inversor de solda precisa ser adequado ao serviço de soldagem.

Normalmente, as ferramentas elétricas envolvem sistemas ou circuitos complexos para realizar suas tarefas. Por isso, é necessário ficar atento a alguns dos critérios como especificações e funções básicas do equipamento para poder escolher o melhor inversor de solda inversora e não se decepcionar.

Portanto, antes de tomar a sua decisão, avalie com atenção os critérios abaixo que podem determinar uma boa compra. Veja só:

Tipo de processo (tecnologia)

O tipo de processo ou tecnologia do melhor inversor de solda vai depender do tipo de soldagem que você deseja realizar. Ou seja, você deverá escolher antes a tecnologia que será necessária para tarefa, levando em conta os materiais que serão soldados e as condições em que realizará o trabalho.

Portanto, será preciso considerar todas as características de cada processo para fazer sua escolha. Por exemplo, os inversores de solda são projetados para usar a tecnologia MMA ou haste.

No entanto, dependendo do modelo, fabricante e sofisticação da máquina, há inversores que podem trabalhar com mais de uma tecnologia, como o inversor de solda SMI200 da Intech Machine. Logicamente, isso vai adicionar ao preço final.

Amperagem e níveis de potência ajustáveis

Obviamente, como em todo aparelho elétrico, quanto maior for a potência, melhor o desempenho da máquina. Com relação ao inversor de solda, a sua amperagem é que vai determinar a sua potência.

Por outro lado, nem sempre é o caso. Um inversor de solda pode variar em modelos de 100 A a 250 A, sendo que os níveis de potência podem ser ajustáveis.

Isso porque o inversor de solda geralmente funciona com uma amperagem mínima de 10 A à amperagem máxima permitida. Portanto, se você precisa trabalhar em várias intensidades e níveis, o ideal é escolher um modelo de faixa mais ampla, como de 20 A a 200 A, por exemplo.

Ciclo de trabalho

O ciclo de trabalho é muito importante, porque define a quantidades de minutos em um período de 10 minutos, o tempo que a solda vai produzir com segurança a corrente de soldagem.

Por exemplo, uma solda de 140 A com um ciclo de trabalho de 60% precisa “descansar” por pelo menos 4 minutos após cada 6 minutos de soldagem contínua.

Os fabricantes
de inversores de solda identificam a ferramenta pela sua capacidade máxima de geração de energia, mesmo que esse nível de energia seja produzido por um curto período de tempo. Por isso, verifique esse ciclo de trabalho para não danificar a ferramenta.

Tipos de eletrodo

Normalmente, inversores de solda contam com diferentes tipos de eletrodos, como de rutilo, básico, de celulose, antioxidante e bronze, entre outros. Sendo que alguns modelos não são recomendadas ou não apresentam bom desempenho em alguns tipos específicos de eletrodos.

Eles são classificados de acordo com o material em que são utilizados, sendo que o ideal é escolher um modelo de inversor de solda que suporta a maioria dos tipos de eletrodo.

Voltar ao menu ↑

Afinal, qual o melhor inversor de solda?

O melhor inversor de solda é aquele que mais se adequa às suas necessidades.

O melhor inversor de solda é aquele que mais se adequa às suas necessidades.

Na verdade, o equipamento gera dúvidas porque quando o inversor de solda foi lançado no mercado, alguns modelos apresentaram problemas. No entanto, isso se deu ao fato de ser uma nova tecnologia.

Mas com o passar do tempo, a ferramenta ganhou a confiança e se tornou bastante popular por conta das inúmeras vantagens que oferece, como enorme versatilidade e praticidade.

Mas embora a soldagem apresente muitos riscos quando não se tem experiência ou ignora-se as medidas de proteção e prevenção necessárias, sabendo escolher um bom equipamento e tomando as preocupações devida a ferramenta é de grande ajuda.

Neste guia você pode conhecer alguns modelos, suas características básicas e toda a informação necessária para te ajudar a fazer uma boa escolha. No entanto, sempre pesquise bastante e se informe antes de comprar.

Uma coisa é certa, depois de ler este guia, seja qual for a sua escolha, você vai conseguir escolher o melhor inversor de solda e garantir uma ferramenta mais cômoda, prática e segura para os seus serviços.

No mais, tudo vai depender das suas necessidades, orçamento disponível e finalidade de uso. Analise tudo direitinho antes de comprar, e boa sorte!