Pensando em dar aquela repaginada no ambiente e mudar a cor de tudo (inclusive, se estiver procurando cores de tinta para sala nós temos as melhores combinações!)? Então que tal utilizar a tinta de terra para mudar o ambiente e ainda fazer isso de maneira sustentável?

E você não precisa comprá-la em nenhuma loja nem nada disso, isso pois aqui nós iremos te ensinar a justamente como fazer a tinta de terra! Você verá que é muito mais simples do que parece.

Preparado para aprender a como fazer a tinta de terra e dar uma nova cor para todo o ambiente? Pois então vamos lá!

A Tinta de terra

Antes de mais nada, você já ouviu falar antes sobre a tinta de terra? Sabe do que se trata e para que ela serve?

Não, a tinta de terra não é uma tinta da cor da terra, já pode ir tirando isso da sua cabeça, na verdade, ela trata-se de uma opção mais em conta e totalmente natural para quem deseja colorir as paredes e dar uma repaginada no ambiente.

Ela entra na categoria de “tintas ecológicas“, sendo que você pode fazê-la no próprio local em que for utilizá-la, ela é bem fácil de ser feita. Ela pode ser utilizada tanto para ambientes internos quanto externos, e seu uso é mais aconselhável para superfícies de madeira, papel paraná e demais tecidos, porém ela também pode ser utilizada em paredes de gesso e até mesmo em vidros, desde que você  utilize mais demãos.

“E por que eu usaria este tipo de tinta?”

Talvez você esteja se perguntando qual motivo lhe levaria a usar este tipo de tinta e não uma outra tinta convencional, não é mesmo? Pois saiba que a tinta de terra possui diversas qualidades que a tornam vantajosa, sendo a principal delas sua sustentabilidade.

Só por optar por esta tinta, você já estará abrindo mal das dezenas de elementos químicos prejudiciais a natureza que as demais tintas convencionais possuem. A tinta por si só trata-se de um material tóxico, danoso ao meio ambiente, cujo descarte errado pode acabar por danificar e muito o solo e até mesmo a água. Com a tinta de terra este tipo de problema não existe.

Vamos agora dar um enfoque em como você pode fazer este tipo de tinta.

Como fazer tinta de terra

Vamos então iniciar o nosso passo a passo, que é todo o objetivo deste artigo!

Você vai precisar de

A primeira coisa de qualquer tipo de receita que você vá fazer é começar separando todo o material de que você irá precisar. Então já vai anotando tudo aí:

  • Uma lata de tinta vazia de cerca de 3,6 litros;
  • Uma peneira fina;
  • De seis a oito quilos de terra argilosa (não utilize terra de cupim ou formigueiro);
  • Dez litros de água;
  • Um quilo de aglutinante, o qual pode ser cola branca, verniz acrílico ou goma arábica;
  • Para variar as tonalidades, pigmentos como urucum, açafrão, pó de mica, areia ou então as diversas tonalidades do próprio solo que você já for utilizar.

Um adendo aqui, caso você more no centro urbano talvez não seja tão simples assim conseguir terra, neste caso, a melhor opção para você será comprar terra mesmo.

Tudo em mãos? Pois então vamos começar a preparar nossa tinta de terra!

Modo de preparo

Comece peneirando a terra para se livrar de raízes e demais detritos que podem estar misturados a ela. Após peneirar bem a terra, misture-a agora com o aglutinante que você escolheu (se o seu objetivo aqui for pintar paredes, então o verniz é o mais indicado), é importante que a quantidade de aglutinante utilizado seja metade do volume de terra que você esteja utilizando. Quaisquer exageros aqui podem fazer com que a tinta fique cheia de rachaduras depois.

Depois disso é só ir acrescentando água aos poucos e ir misturando. Talvez você não necessite acrescentar todos os 10 litros de água, pois isso depende exclusivamente do resultado que você deseja obter. Quanto mais água você acrescentar, mais sua tinta de terra irá adquirir uma aparência de aquarela, ou seja, fica a sua escolha aqui.

Feito isso, sua tinta de terra estará pronta, e é só você começar a aplicar! E claro, se você prefere ver como é todo o processo, fácil, é só dar uma conferida no passo a passo do vídeo abaixo:

Esta tinta é cerca de 70% mais barata do que uma tinta convencional, sendo que uma lata de tinta de terra cobre cerca de 70 a 90 metros quadrados, ou seja, pode utilizá-la sem medo!

E claro, apesar de todo o diferencial por detrás da tinta de terra ser a possibilidade de você mesmo fabricá-la, você também pode comprá-la já pronta. Através da Tinta Solum você consegue adquirir a tinta de terra nas mais diversas tonalidades.

E então, achou fácil o processo de “fabricação” da tinta de terra? Acha que consegue fazê-la para já começar a pintar todo o ambiente, o deixando com aquele aspecto rústico e sem prejudicar o meio ambiente? Conta pra gente nos comentários abaixo!

E claro, quaisquer duvidas que tenham sobrado basta nos perguntar, estaremos prontos para lhe responder!

Escreva um Comentário