A Costela de Adão é uma planta cada vez mais comum na decoração, de dentro e de fora do imóvel. Isso graças ao seu belo visual, que combina com diferentes estilos.

Seu nome vem exatamente do seu aspecto. Seu formato é exatamente de uma costela humana, com uma estrutura mais larga em uma extremidade, e uma “entrada” na outra. Suas folhas também se dividem em lâminas, como as costelas de uma pessoa.

A Costela de Adão é uma planta nativa da América Central. Nessa região, ela é chamada de “queso suizo”. Ou seja, queijo suíço. Esse apelido existe porque, além das “costelas” da planta, ela costuma ter alguns buracos ocasionais nas folhas.

Outro ponto que chama a atenção nas folhas é verde intenso, geralmente escuro. Mas ele se “ilumina” quando recebe a luz do sol, com reflexos verdes que agregam muito à decoração do espaço.

Aliás, as folhas são de diversos tamanhos. Por isso, há certa dinamicidade na planta. Com folhas maiores e menores, o visual pode combinar facilmente com qualquer espaço. Afinal, não haverá “verde” demais, mas sim distribuído de diversas formas nos vasos e jardins.

As Costelas de Adão dificilmente flores e frutos. Esse é outro ponto que favorece sua plantação dentro de casa, pois não haverá problemas como cheiros intensos, nem a atração de animais.

Como cuidar da planta Costela de Adão?

A Costela de Adão merece alguns cuidados no dia a dia. Com a rega, nutrientes para o solo e luminosidade para a planta.

Mas são cuidados básicos, então não há tanto com o que se preocupar. Só crie uma rotina, para que a planta não sinta falta dos nutrientes e água de que precisa.

Abaixo, listamos algumas dicas para que você mantenha as folhas da planta sempre atraentes.

Garanta o sol adequado

Para manter a planta Costela de Adão bonita e saudável, o primeiro passo é garantir que ela tenha a exposição ao sol.

Esse tipo de planta precisa de luz do sol apenas por algumas horas do dia. Se a sua exposição for exagerada, as folhas poderão se queimar.

O ideal é reproduzir as condições de uma floresta tropical, em que a mata tem apenas sol moderado. Para isso, garanta que a luz seja indireta. Ou então, como já citado, apenas em uma hora do dia.

Se as folhas começarem a amarelar, será sinal de sol exagerado. Então, você deverá mudar a planta de luz ou garantir que ela receba menos sol.

A melhor solução é colocar a planta próxima de uma janela. Assim, ela receberá a claridade adequada, apenas durante um tempo durante a manhã ou a tarde.

Plante em um solo nutrido

Não importa muito se você plantar a Costela de Adão no vaso ou direto no solo, em um jardim. Mas é preciso que o solo seja fresco e tenha uma boa drenagem.

Ao plantar a espécie em um vaso, será preciso trocar de vaso todos os anos. Mas apenas enquanto a planta cresce. Aumente o tamanho do vaso, para que ela tenha espaço para se desenvolver mais e mais.

Após um tempo, quando você achar que a Costela de Adão não precisa crescer mais, pare de trocar de vaso. Sem espaço extra, a planta vai se manter no tamanho que você escolheu.

Para nutrir o solo, utilize o COMPO SANA Planta Verde. Esse é um substrato com turfa, perlite, agrosil, cal e elementos nutritivos. Siga as orientações da embalagem do produto para a sua aplicação. A adubação deve ser feita uma vez por ano.

Os cuidados com a irrigação e adubo vão garantir o desenvolvimento forte e saudável da planta, potenciando sua cor verde brilhante.

Regue no tempo certo

costela de adao planta

Se a água se acumular no solo, as raízes da planta podem apodrecer. Sem contar que a planta pode absorver água demais, o que será prejudicial a ela.

Não se esqueça de preparar o vaso adequadamente para a sua drenagem. A água não pode se acumular, nem no fundo, nem na superfície.

No Inverno, a irrigação da planta deve ser feita de 15 em 15 dias, sem encharcar a terra. No Verão, a frequência de regagem da planta pode ser maior: duas vezes por semana.

De qualquer forma, esses intervalos podem variar. De acordo, por exemplo, com as temperaturas dos dias anteriores. Então, na hora de irrigar o solo, confira se ele está realmente seco. Basta tocá-lo com o dedo. Se seu dedo continuar seco, será mesmo hora de regar.

Não misture a Costela de Adão e outras plantas

É essencial não plantar a Costela de Adão e outras espécies no mesmo vaso. Isso porque, as Costelas liberam algumas substâncias químicas em suas raízes. A substância costuma inibir o crescimento de outras plantas, o que pode prejudicar todos os vasos.

Garanta a temperatura adequada

A Costela de Adão não se dá muito bem com mudanças tem temperatura. Por isso, é importante não trocá-la de lugar, a menos que seja realmente necessário. E se a troca for feita, tenha o cuidado de garantir condições semelhantes.

Evite espaços com ar-condicionado ou aquecedor. Além disso, evite que a planta receba vento quente ou frio diretamente, pois isso pode machucar as folhas.

Pode as folhas

Para podar a Costela de Adão, é importante que você utilize uma tesoura de jardinagem. Você deverá limpar a ferramenta antes, para evitar que qualquer tipo de contaminação passe para a planta.

Pensando nisso, mergulhe a tesoura em uma mistura de água e álcool. Deixe de molho por 10 minutos e enxágue.

Depois, você poderá utilizá-la para cortar uma folha inteira ou parcial. No caso da retirada de folhas inteiras, faça um corte reto na haste dela. Reto, em vez de diagonal, bem próximo da ramificação da planta.

Essa poda pode ser realizada para tirar uma folha doente, ou apenas para renovar a planta. Você poderá usar a folha cortada como decoração, em um vaso com água, até ela murchar.

Agora, se o objetivo for apenas remover parte da folha, tenha um cuidado maior. Retirar apeas um pedaço dela requer que você faça cortes precisos, ou as “cicatrizes” podem deixar a planta com um visual desagradável.

Seja qual for o seu tipo de poda, utilize luvas de proteção. A Costela de Adão solta uma seiva tóxica, que pode trazer problemas para o corpo. Especialmente alergias.

Aliás, por causa dessa seiva tóxica, a planta não é indicada para imóveis com crianças ou pets. A menos que ela fique 100% longe do alcance deles.

Como decorar com a Costela de Adão?

Como explicamos antes, a Costela de Adão precisa de luz para se desenvolver. Então, para decorar com a planta, é importante contar com uma área bem iluminada. Ambientes com grandes janelas são os que mais ganham com a decoração dessa planta.

Por causa do seu verde intenso, as folhas são ideais para a decoração em espaços com cores claras. Especialmente o branco, que também é destacado pela iluminação.

Outras cores que combinam com o visual da planta são o bege, tons claros de marrom, azul claro e outras cores com tons leves ou pastéis.

A Costela de Adão pode decorar apenas fazendo parte de um vaso. Mas pode também ser colocada sobre um aparador, uma estante, próxima a alguns livros ou à cama.

Aliás, tem um pouco de verde em cada canto da casa pode criar maior sensação de bem-estar nos ambientes.

Trazer a natureza para dentro de casa tem esse efeito, uma vez que a planta inclusive melhora a qualidade do ar. Afinal, qualquer espécie realiza a fotossíntese, liberando uma nova carga de oxigênio no processo.

Decoração além das plantas

costela de adao planta decoração

As folhas da Costela também têm um belo visual. Se ele te atrair, você também pode usar do desenho em alguns objetos da casa, agregando à planta. Pinte as folhas em um quadro ou almofada, por exemplo. Juntos, o desenho e planta trarão um visual elegante e fresco ao espaço.

Uma parede pintada com esses desenhos também pode trazer um up a mais para decoração. Mas não se esqueça de equilibrar os elementos. Se um ou outro for exagerado, o resultado será bem pouco atraente.

Na hora de investir na planta, só tenha a certeza de que você terá tempo para investir na planta. Mesmo que as folhas não exijam muitos cuidados, elas vão precisar de irrigação e nutrientes no tempo certo.

Você também pode utilizar a espécie para fazer alguns arranjos. Bastará tirar as folhas do vaso e uni-las a outras espécies ou flores. Mas lembre-se: você não deve plantar a Costela de Adão com outras plantas. Do contrário, a primeira vai prejudicar o desenvolvimento das outras.

Outra dica é usar a espécie em espaços comerciais. Para utilizá-las, neste caso, mantenha o restante do ambiente em cores sóbrias, especialmente o branco e o cinza claro. Isso vai garantir que o verde tenha o destaque adequado, trazendo mais vida ao ambiente. Mas sem exagero.

Agora você já sabe como plantar a Costela de Adão e como utilizar a planta para deixar a decoração de casa ainda mais incrível. Como você pretende usar a espécie? Conte sua ideia para a gente nos comentários!

Escreva um Comentário