NBR 5674

NBR 5674 pdf Download – Norma Comentada

A NBR 5674 com certeza é a norma que você terá de ter debaixo do braço quando o assunto for manutenção de edifícios. E, mesmo que você seja leigo quando o assunto é NBR, não tem nada com o que se preocupar com relação a esta norma, sendo que ela é de fácil leitura e compreensão.

Mas claro, mesmo a NBR 5674 sendo simples, nós ainda estamos aqui pra te ajudar a desmembrá-la e entendê-la total e completamente, de modo a não restarem quaisquer dúvidas sobre o assunto. Então vamos lá

A importância da NBR 5674

Manutenção de edificações. Somente o título da própria NBR 5674 já nos diz tudo o que precisamos saber sobre sua real importância, mas vamos aprofundar um pouco mais.

O papel principal da NBR 5674 é estabelecer todos os requisitos necessários para a correta gestão do sistema de manutenção, o qual inclui os meios para que as características originais da edificação sejam preservadas, além de prevenir que se perca desempenho proveniente da degradação de seus sistemas, componentes ou então elementos. Caso uma edificação já exista antes da vigência desta NBR (que começou a valer em 2012), é dever da própria edificação se adequar a norma através de todas as manutenções cabíveis.

Caso a edificação se omita a atender os requisitos impostos pela NBR 5674, isso poderá causar transtornos para todos os moradores presentes, além de um custo intensivo para os serviços relacionados a recuperação (ou até mesmo uma nova construção) desta edificação. Ou seja, a manutenção de modo algum deve ser feita de maneira improvisada, casual ou esporádica, é necessário que ela seja tratada tal como um serviço técnico, que seja totalmente programável, visto como um investimento para a preservação no valor do patrimônio.

É até mesmo aconselhável que seja implantado um programa para manutenções corretivas e preventivas em edificações, pois, além de obviamente serem de extrema importância para a qualidade de vida de todos os moradores, é também essencial para manter os níveis de desempenho do projeto ao longo de sua vida útil. É necessário que haja um sistema organizacional eficiente para manter o nível da edificação, seguindo uma lógica relacionada ao controle de custo e de qualidade.

Todos os requisitos da NBR 5674

Ainda, é claro, tomando como base a NBR 5674, há alguns requisitos para a correta manutenção que devemos sempre ficar atentos. Como, por exemplo, ao considerar a característica das edificações é necessário levar em consideração:

  • A sua tipologia;
  • O seu uso efetivo;
  • A complexidade e também o tamanho da edificação analisada e dos seus sistemas;
  • A localização da edificação analisada, bem como as implicações em seu entorno.

E, falando explicitamente da manutenção que será prestada, ela deve ser orientada de tal maneira que:

  • Consiga minimizar a depreciação do patrimônio preservando o seu desempenho, que estará previsto no projeto, com o passar do tempo;
  • Consiga estabelecer o fluxo de comunicações e as informações que sejam pertinentes;
  • Consiga estabelecer a autonomia da tomada de decisão dos envolvidos, bem como suas incumbências.
Anúncios

Já com relação a sua organização, é necessário que seja previsto a infraestrutura material, a técnica de recursos humanos e financeira, e que seja capaz de atender a todos os tipos de manutenção que forem necessários, tais como de rotina, corretiva ou até mesmo preventiva.

E, é claro, o programa de manutenção deverá especificar por qual meio os serviços deverão ser realizados, se serão realizados por meio de uma empresa capacitada, uma empresa especializada ou então uma equipe de manutenção local.

Com relação aos indicadores de eficiência relacionados a gestão do sistema de manutenção, eles deverão ser regularmente avaliados e estabelecidos, de maneira que possam contemplar tais parâmetros:

  • Que eles atendam ao desempenho das edificações e também dos seus sistemas, conforme pode ser encontra nas partes 1 e 6 da NBR 15575;
  • Que cumpra o prazo que foi acordado entre o perído da observação da não conformidade e da conclusão do serviço da manutenção;
  • Que atendam ao tempo médio de resposta das solicitações feitas por moradores e intervenções de emergência.
  • Que tenham uma periodicidade com relação as inspeções prediais de uso e das manutenções que estão estabelecidas no manual de operação, uso e de manutenção da edificação;
  • E, por fim, o registro das inspeções.

É sempre bom destacarmos que, ao decorrer dos serviços de manutenção, é necessário que todos os sistemas de segurança que a edificação possuam permaneçam em pleno funcionamento, sem qualquer tipo de obstrução nas saídas de emergência, sendo que é o executante possui como responsabilidade providenciar:

  • Todos os meios que possam garantir as condições necessárias dos serviços de manutenção de maneira segura;
  • Todos os modos que possam proteger os moradores de prejuízos ou danos causados durante a execução dos serviços de manutenção;
  • Sinalização de advertência, informações e delimitações aos moradores sobre os possíveis riscos.

Já com relação a toda a documentação necessária durante o processo de manutenção, deve constar:

  • O manual de operações, manutenção e uso das edificações, e acordo com a NBR 14037;
  • O manual de todos os fornecedores de serviços e equipamentos.
  • Os programas de manutenção;
  • Um planejamento de manutenção, o qual deverá conter a manutenção prevista e a efetiva, tando cronologicamente quanto financeiramente;
  • Todos os contratos que forem firmados;
  • Todos os catálogos, projetos, memoriais executivos, desenhos e procedimentos executivos relacionados aos serviços de manutenção e as propostas técnicas;
  • O relatório de inspeção;
  • Todos os documentos que forem mencionados no Anexo A da NBR 14037;
  • Todos os registros de serviços de manutenção que forem realizados;
  • A ata das reuniões referentes a assuntos da manutenção;
  • Todos os documentos de atribuição da responsabilidade dos serviços técnicos.

Responsabilidades segundo a NBR 5674

A norma também delega responsabilidades, vamos analisar a seguir quais são estas responsabilidades e a quem elas se aplicam.

Para o proprietário ou condomínio, a norma dita que ele deverá fazer e prover todos os recursos que forem necessários para a manutenção da edificação.

Já a construtora deverá entregar ao proprietário o manual de uso, operações e manutenção da edificação, tudo conforme consta na NBR 14037.

Anúncios

Já os condôminos serão responsáveis individuais pela manutenção de partes que sejam autônomas para o conjunto da edificação.

Fica a encargo do síndico delegar esta manutenção que irá ocorrer para um profissional que seja apto ao serviço.

Em conclusão

Bom, agora você já sabe para que serve a NBR 5674 e conseguiu ter um vislumbre melhor de seu entendimento. Então, caso necessite realizar a manutenção de edificações já sabe, essa é a Norma que você definitivamente deverá ter debaixo do braço!

NBR 5674 Download .pdf

[wp-embedder-pack width=”100%” height=”400px” download=”all” download-text=”” attachment_id=”27858″ /]