Tapetes antialérgicos: ideias para manter sua casa segura

Imagine uma mãe. Ela resolve decorar o quarto de seu filho com os mais belos elementos. Na janela coloca uma linda cortina cheia de babados. Na cama, uma colcha com muitas camadas.

E no piso, um tapete bem felpudo com cores vivas e o formato de seu personagem preferido. Daí a criança chega a casa e imediatamente começa a espirrar, ficar com o nariz escorrendo e a ter dor de cabeça. O que pode ter acontecido?

Pietro Terlizzi

Bem, claro que imediatamente a mãe pensa em várias hipóteses. Mas, com certeza, a resposta mais correta só pode ser dada por um médico especialista.

Muitas das vezes a conclusão é bastante simples, alergia. Existem pessoas, principalmente na fase infantil, que são muito mais suscetíveis a isso.

Certos elementos da decoração acabam agindo desfavoravelmente para a saúde humana.

Revista Viva Decora

Como os tapetes podem afetar de forma negativa a saúde humana

Tem tantas vantagens de se ter carpete ou tapete em casa que quase nem dá para contar. Imagine por um segundo, você não pode ver, mas pelo ar estão espalhadas infinitas partículas de sujeira.

A maioria delas é oriunda da poluição atmosférica. E, inevitavelmente, entram pelas janelas, voam pelos ambientes e acabam se depositando sobre elementos arquitetônicos, móveis e ornamentos.

Ana Yoshida

As pessoas também trazem consigo sujeira do meio externo. Certos povos, como os japoneses, até já tomaram por certo a importância de se tirar os sapatos antes de adentrar nos ambientes.

É que nas solas dos sapatos ficam presos vários microrganismos bastante prejudiciais à saúde humana. E eles ainda vão se juntar com tantos outros que vão nascer e se proliferar no próprio ambiente, como fungos e ácaros. Um verdadeiro horror!

CASA COR 2016

Por tudo isso que foi dito, pode-se entender porque o sistema imunológico de tanta gente acaba por desencadear crises alérgicas e problemas respiratórios. Claro que tem jeitos simples de se evitar isso – alguns mais e outros menos radicais.

Acompanhe as dicas apresentadas nos tópicos a seguir para compreender melhor!

Lucia Wjuniski

Como eliminar acúmulos de resíduos dentro de casa

Não custa nada lembrar que a melhor maneira para combater o acúmulo de resíduos dentro de casa é com faxina. Se a família mantém uma rotina de limpeza frequente, dificilmente terá um de seus membros com sintomas de alergia.

E é bom também trocar, de vez em quando, algumas peças em tecido, como colchas e mantas – ou, pelo menos, colocá-las no sol para afastar os micro-organismos. Mas, isso pode não ser o bastante!

Ter dentro do quarto um tapete bem felpudo, feito de lã, por certo, vai representar sempre um problema.

A pessoa pode tentar trocar essa peça por outra, com pilosidade mais baixa – ou seja, com fios mais baixos. Agora, se nem isso resolver só terá dois caminhos a se seguir. Ou se retira totalmente qualquer tapete de casa ou o deve-se investir em peças antialérgicas.

Fernanda Azevedo Mancini

Quais os modelos de tapetes antialérgicos existem no mercado

Já existem vários modelos de tapetes antialérgicos à venda no mercado. Quase todos são produzidos com materiais sintéticos, como nylon, poliéster e vinil – principalmente emborrachados e antiderrapantes.

Eles podem ser facilmente lavados, o que impede – e muito – o acúmulo de resíduos dentro de casa; além de proporcionar mais segurança aos moradores, já que não escorregam.

Revista Viva Decora e Yamagata Arquitetura

Dos modelos de tapetes antialérgicos vistos nas lojas, a sensação do momento são os tapetes feitos de garrafas PET.

A reciclagem é um modelo de ação sustentável e ecológica bastante valorizada nos dias de hoje.

Sabe-se que a natureza tem sofrido com o descarte irregular de milhões de partículas desse material em matas, rios e oceanos. E está mais do que na hora das fábricas darem um destino melhor para tudo isso. Não é mesmo?

César Valenccia

Então, o que achou dos tapetes antialérgicos? Você acredita que manter uma rotina de limpeza em casa seria suficiente para sua família não sofrer com alergias e problemas respiratórios?

Ou seria preciso também retirar por completo todas as peças que são propícias para o acúmulo de resíduos e bactérias?

Pense nisso!

Estas dicas sobre tapetes antialérgicos na decoração foram criadas pela equipe Viva Decora.

 

você pode gostar também

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se concorda com isso, clique no botão ao lado. AceitarLer mais