Na construção civil são vários os termos que temos de nos adaptar para conseguirmos entender tudo o que se passa numa obra, como por exemplo o tijolo baiano.

“Tijolo baiano? Mas mesmo se eu não morar na Bahia?”

Muito provavelmente você já ouviu falar desse tijolo antes, pois ele também é bastante conhecido por um outro nome: tijolo de vedação. O nome tijolo baiano pelo fato de que, os melhores tijolos do Brasil Colônia eram todos produzidos na Bahia, os quais acabaram se tornando referência para indústrias de outros ceramistas brasil a fora.

Aqui neste artigo vamos focar no tipo de situação em que o tijolo baiano deve ser utilizada, e em qual você definitivamente não deve usá-lo. Passaremos por vantagens, desvantagens e seu preço de compra, tudo para que você saia daqui sem dúvidas relacionadas a este tijolo!

Pronto para começarmos? Pois então vamos lá!

O tijolo baiano

Também conhecido como bloco cerâmico de vedação, este tijolo é bastante utilizado Brasil a fora, principalmente em construções residenciais. Há dois pontos fortes que fazem com que este tijolo seja bastante utilizado em obras:

  1. Este tijolo é composto por furos (as versões mais comuns possuem 6, 8 e 9 furos, porém ainda há blocos com tamanhos e quantidades de furos diferentes), ou seja, isso faz com que ele renda mais na construção de muros e de paredes;
  2. E a economia de argamassa possibilitada por este tijolo. Isso se dá pois as ranhuras das peças disponibilizam uma maior aderência ao processo de construção, o que gera uma maior economia na argamassa que é utilizada durante a obra.
Tijolo Baiano
O tijolo baiano, provavelmente você já o viu antes!

Nós falamos acima que o outro nome deste tijolo é bloco cerâmico de vedação, mas você sabe o que isto significa? Dica: tem a ver com a própria utilização deste tijolo.

Isto significa que o tijolo baiano tem como principal utilização a vedação, ou seja, ele deve ser utilizado para a construção de muros e paredes, porém sem papel estrutural. Isso significa que ele não deve ser utilizado para sustentar pesos, do contrário acabar se quebrando e ocorrendo acidentes, e nós queremos evitar os acidentes!

Vamos analisar agora as vantagens e as desvantagens deste tipo de tijolo.

As vantagens do tijolo baiano

Vamos dar uma olhada abaixo em todas as vantagens que você terá ao utilizar este tijolo em suas obras.

Preço

Vamos começar aqui pela vantagem que costuma mais pesar na decisão final, ou seja, aquela que diz respeito ao preço!

Uma das principais vantagens deste tijolo é que seu preço costuma ser bastante vantajoso quando comparado a demais tipos de tijolos. Claro, o preço varia bastante de região para região e de onde você irá comprá-los, porém com uma pesquisa rápida você entenderá do que estamos falando, e vai ver o porquê deste tijolo ser um dos mais utilizados em obras.

Para se ter uma noção média de valor, o tijolo baiano de 6 furos pode ser encontrado por até R$ 0,59/unidade.

Aderência

Sabe aquelas ranhuras na lateral do tijolo? Pois elas não estão ali por estética, na verdade elas desempenham um papel importante aqui: aderência!

As ranhuras garantem uma maior aderência para o processo de construção de paredes e de muros, pois é através delas que a argamassa pode penetrar melhor nos frisos ali presentes, melhorando assim o resultado final da construção como um todo.

Peso

O peso do tijolo baiano também acaba por ser uma grande vantagem, isso pois, devido ao fato dele ser bastante leve, isso ajuda em seu transporte e em sua logística, além de também ser favorável para sua execução em obra.

Isolamento

Quando comparamos o tijolo baiano com blocos de concreto, ele apresente um melhor fator de isolamento acústico e térmico. Claro, se este for seu único objetivo, há melhores opções, porém não deixa de ser uma boa vantagem deste tipo de tijolo.

As desvantagens do tijolo baiano

Claro que não há como o tijolo baiano ser só vantagens, também temos de destacar os aspectos negativos em seu uso, somente assim você poderá pesar ambos e decidir se ele é ou não ideal para sua obra.

Não deve ser utilizado para alicerce

Nós já citamos brevemente isto acima, mas é sempre bom reforçarmos: o tijolo baiano não é estrutural!

O fato dele ser um tijolo leve é uma vantagem porém, ao mesmo tempo também se trata de uma desvantagem. Devido ao fato dele ser leve, isso faz com que ele também seja menos resistente, e definitivamente não deve ser utilizado em fundações, tendo em vista que ele não suportaria as cargas estruturais. Ou seja, nada de utilizar o tijolo baiano para alicerces!

Perda de material

Este tipo de tijolo apresente um grande índice de quebras, além de produzir bastante entulho no canteiro de obras.

Uma maneira de se antecipar a esta perda de material é sempre incluir na compra um índice de 30% a mais do que será utilizado, de modo a deixar uma reserva separada para imprevistos, acredite, isto lhe será bastante útil!

Revestimento

Caso não haja nenhum tipo de revestimento, isso fará com que o tijolo baiano perca para todos os demais tipos. Isso se dá pelo fato da argamassa apresentar muitas falhas, o que pode até mesmo diminuir bastante seu isolamento acústico.

Uma vez que você tenha lido sobre as vantagens e desvantagens deste tipo de tijolo, já deve ter em mente onde você deve e onde não deve utilizá-lo. Estruturalmente, nem pensar, porém para a construção de um muro ou uma parede ele pode sim ser de grande ajuda!

Na realidade tudo depende do projeto que você tem em mãos, é colocar vantagens e desvantagens em uma balança e pesar se o tijolo baiano é ou não o ideal para sua obra em questão!

Calculando a quantidade de tijolo baiano em sua obra

Quer aprender a maneira correta e completa de calcular a quantidade ideal de tijolos para sua obra? Acredite, não é tão difícil quanto pode parecer a um primeiro momento!

Nós temos aqui mesmo no Total Construção um artigo completo sobre o cálculo ideal da quantidade de tijolos + uma calculadora online que pode realizar este tipo de cálculo para você!

Aconselhamos fortemente que você tire alguns minutos para dar uma lida neste artigo, nele você encontrará dados referentes não apenas ao tijolo baiano, como também a todos os demais tipos de tijolos, vale a pena conferir!

E então, ainda lhe sobraram dúvidas referente ao tijolo baiano? Tem algo que você ainda queira saber e nós não fomos claros o suficiente neste artigo? Pois então não se acanhe, basta perguntar nos comentários abaixo e nós estaremos prontos para lhe responder!

E caso tenha gostado e conseguido tirar suas dúvidas com esta leitura, então não deixe de compartilhar com seus amigos e conhecidos, nunca se sabe quem você poderá acabar ajudando no processo!

Escreva um Comentário