Moramos num país tropical onde o calor toma conta em boa parte do país (principalmente nas regiões Norte e Nordeste). Muitos resolvem esse problema fazendo uma instalação split, aquele ar condicionado comprido que fica (geralmente) num canto na parede, e você provavelmente também quer fazer o mesmo.

Mas surgiu aquela dúvida…

…Como fazer a instalação split?

Primeiramente, para que o ar-condicionado split seja instalado com eficiência e sem danos ao aparelho é extremamente recomendado que seja contratado um técnico especializado para este tipo de nicho, além de também fazer um planejamento técnico e financeiro antes de comprar o dispositivo. Afinal, ninguém quer ter prejuízos desnecessários na hora de instalar um ar-condicionado, não é mesmo?

Agora que os avisos já foram dados, vamos ver como funciona a instalação do split!

O que é um ar-condicionado split?

Ar-Condicionado Split

Primeiramente, vamos conhecer brevemente o que é um ar-condicionado split.

Embora seja o ar-condicionado mais vendido, de fácil instalação, economia de energia, popular e fácil de ser encontrado, muitas pessoas não conhecem o seu nome.

“Split” trata-se de uma categoria de ar-condicionado que envolve vários tipos. Ele foi originado do sistema do ar-condicionado Janela, sendo na verdade dois equipamentos funcionando como um só. Ou seja, é um aparelho composto por duas unidades: ambiente interno (evaporadora) e o ambiente externo (condensadora):

Ambiente interno (evaporadora)

Ela é conectada por dutos de refrigeração, sendo responsável em fazer a distribuição do ar frio nos cômodos de uma residência. Dependendo do modelo ou do tipo de ar-condicionado split, a instalação pode ser instala em um lugar específico, podendo ser colocada na parede ou embutida completamente ou parcialmente no forro. Além disso, é pela unidade evaporadora onde a temperatura, potência e outras configurações do ar-condicionado são controladas.

Ambiente externo (condensadora)

É onde acontece à troca de calor do ambiente interno, essa parte do aparelho é responsável por condensar o gás refrigerante que se evapora ao fazer a troca de calor no processo de refrigeração.

Como essa é a parte mais barulhenta do aparelho, só pelo fato dela ficar do lado de fora do cômodo já proporciona mais silêncio ao ambiente em comparação a outros ares-condicionados.

Além disso, o ar-condicionado split é uma ótima recomendação para cômodos muito amplos, algo que muitos ares-condicionados não dão conta de esfriar.

Com isso fora do caminho, podemos aprender como funciona a instalação split.

Fazendo a instalação split

Como podemos ver, a instalação split é formado por duas unidades que ficam tanto do lado de dentro como fora de uma moradia. Sendo praticamente obrigatório que exista entre elas algum tipo de canal de ligação.

Por isso, verifique se sua moradia possui a infraestrutura necessária e as tubulações requeridas para a instalação desse tipo de ar-condicionado. Caso não exista, não se desespere, ainda é possível fazer uma consultoria e contratar um técnico para que ele possa verificar as possibilidades para fazer a instalação do aparelho, sendo requerido até uma pequena obra para abrir um canal de passagem do exterior para o interior do cômodo caso seja necessário.

Esse canal tem a responsabilidade de conduzir o conjunto de fios e de tubos entre as duas unidades. A distância entre os componentes precisa ser a mais curta possível, para que os tubos e fios sejam conectados facilmente. Assim evitando perdas de cargas no trajeto de dentro dos tubos, economizando mais no gasto de energia do aparelho. Portanto é interessante verificar a planta da edificação antes da instalação ou compra do produto.

Outra coisa que vale a pena dar uma conferida é ver se a moradia consegue suportar a carga necessária para que o produto funcione, sem causar sobrecargas. Se não, seu ar-condicionado pode queimar no mesmo dia.

A tabela a seguir mostra uma lista dos diâmetros de tudo em relação aos BTUs:

Cuidado ao escolher o local

Como podemos ver, o ar-condicionado split é um aparelho de duas unidades, portanto ambas devem ter distâncias mínima ente si. A distancia entre as unidades, tanto externa quanto interna, deverá estar entre 1 metro (mínimo) e 15 metros (máxima) da tubulação entre elas e 5 metros de desnível.

Feito isso, agora pense na possibilidade de fazer a instalação da unidade externa (condensadora) na sua varanda ou outra parede externa e pergunte se é permitido fazer isso para o dono do imóvel, caso você mora em um apartamento. Afinal, imagine só gastar dinheiro no ar-condicionado split e só depois descobrir que você não pode fazer a instalação dele na sua moradia…

Escolhendo a posição das unidades internas e externas

Para que a instalação split funcione o mais corretamente possível, é fundamental que o local de instalação seja bem escolhido.

Saiba que instala-los em lugares indevidos pode gerar estrangulamento dos tubos, vazamentos de fluídos, drenagem insuficiente e outros problemas inconvenientes. Esses fatores diminuem a durabilidade do aparelho e eficiência da climatização do local.

Além disso, quanto maior a distância entre as duas unidades, maior o gasto em tubos de cobre e drenagem, isolamento de tubos e cabos elétricos.

Por isso, para cada unidade falaremos dos cuidados do posicionamento de cada uma para facilitar o seu trabalho.

Cuidados para posicionar a unidade interna

  • O local ideal para instalar o ar-condicionado é nas paredes que possuam a maior distância entre si. Isso aumenta ainda mais a eficiência da distribuição do ar gelado;
  • Evite o fluxo de ar cruzado com outros aparelhos (se existir) no mesmo cômodo;
  • Evite que a circulação de ar seja bloqueada ou obstruída por móveis ou outros objetos presentes no ambiente;
  • Para que o ar esteja circulando apropriadamente, nunca coloque um obstáculo na saída do ar;
  • Por último, para facilitar trabalhos posteriores, escolha um lugar onde o filtro de ar possa ser retirado com facilidade para que a limpeza seja mais rápida.

Cuidados ao posicionar a unidade externa

  • A unidade externa precisa estar num local bem ventilado, aberto, no lado oeste;
  • Não se deve instalar a unidade externa em locais que sofram muito com o excesso de poeira, chuva forte e umidade;
  • Lembre-se de nunca instala-la perto de locais com gás inflamável ou fontes de calor;
  • Nunca a instale em locais onde a saída de ar esteja obstruída;
  • A unidade externa pode ser instalada tanto acima quanto abaixo da unidade interna;
  • Lembre-se que a mangueira de drenagem sempre deve ser instalada abaixo da unidade interna.

Encerrando

Instalar um ar-condicionado é uma maravilha, principalmente com o aquecimento global indo para as alturas. No entanto, instalar o ar-condicionado split é uma tarefa consideravelmente complicada. Por isso, o ideal é contratar um profissional do nicho para que ele analise o local e faça as tarefas necessárias para a instalação split corretamente e sem problemas.

E aí? Gostou do texto? Então compartilhe nas suas redes sociais ou comente o que achou!

Escreva um Comentário