Os móveis de papelão são uma ótima opção de reciclagem e ainda de decoração para a casa. Além disso, eles proporcionam resistência como qualquer outro móvel e uma grande economia para quem quer mobiliar, mas está sem dinheiro. Embora esse material seja sempre descartado no lixo como algo que não pode mais ser utilizado, o papelão é uma excelente matéria-prima para a confecção de muitos itens para decoração.

Essa moda de usar papelão na fabricação de móveis começou através do idealizador Frank Gehry. Os primeiros experimentos com o material foram feitos pelo arquiteto em 1969, quando ele criou a sua primeira poltrona de papelão chamada Easy Edges. Nesse primeiro projeto, Gehry utilizou peças de papelão e muita cola para fazer um formato ondulado e totalmente inovador.

O conceito dessa reutilização foi tão bem visto pelas pessoas que não demorou nada para que novos móveis começassem a ser fabricados com o material. Isso porque o papelão proporciona diversas vantagens para quem quer mobiliar uma casa. Confira a seguir tudo que você precisa saber sobre a confecção de móveis de papelão e muitas fotos para você se inspirar.

Vantagens e desvantagens dos móveis de papelão

Que eles são bonitos e estilosos, todo mundo já sabe. Mas quais são as vantagens de ter um móvel feito de papelão? Ou ainda, quais são as desvantagens? Se você ainda tem dúvidas sobre a utilização desse material em sua casa, veja a seguir todas as características positivas e negativas dessa nova tendência:

Vantagens

Montagem e transporte: As peças confeccionadas em papelão são leves e muito fáceis de montar. A maioria das peças não precisa de parafusos ou cola para serem montadas. Com apenas alguns encaixes o móvel de papelão já está pronto para ser utilizado. Assim como ele é fácil de ser montado, para desmontar o processo é o mesmo. Sendo assim, o transporte desse tipo de material é muito mais fácil, leve e econômico.

Customização: Outro ponto positivo a respeito dos móveis de papelão é que eles podem ser customizados de acordo com as suas necessidades. Por exemplo, é possível aplicar tinta, tecido adesivo, papel contact, verniz e muitos outros materiais para transformar a peça. Por causa dessa característica, o mobiliário de papelão proporciona um diferencial que é a exclusividade, pois cada móvel pode ter o acabamento de acordo da forma como você deseja. Veja também: Decorar sala pequena com pouco dinheiro? Veja dicas!

Resistência: Embora muitas pessoas possam duvidar desse fato, os móveis de papelão são muito resistentes e aguentam pessoas e até eletrodomésticos pesados. Há cadeiras de papelão, por exemplo, que suportam até 120 kg. Para a confecção de móveis, o papelão utilizado passa por alguns tratamentos para aumentar a resistência e, consequentemente, suportar o peso necessário.

Segurança: Por serem confeccionados com papelão, as gavetas e as portas dos móveis não oferecem risco para as crianças. Materiais mais duros como a madeira e o plástico, constantemente podem acabar por prender o dedo das crianças ou ainda por machucar alguém que caia em cima do móvel. Já o mobiliário feito de papelão é mais seguro, inclusive para ser colocado no quarto das crianças.

Custo reduzido: Mobiliar uma casa toda com móveis de papelão é muito mais barato do que com móveis tradicionais. Isso porque a matéria-prima para a confecção desses itens é totalmente desvalorizada e muitas vezes encontrada no lixo. Sendo assim, a própria reciclagem já oferece a redução dos custos de uma forma muito satisfatória.

No entanto, nesse ponto só é preciso cuidar de alguns aspectos para que o móvel não fique mais caro do que realmente deve ser, como, por exemplo, o lugar que você irá comprá-los. Algumas lojas oferecem esse tipo de mobiliário a um custo acima do que seria normal. Por isso é importante avaliar se vale a pena comprar ou fazer seus próprios móveis. A seguir mostraremos um passo a passo para você fazer seus próprios móveis de papelão.

Reciclagem: Uma grande vantagem em utilizar papelão na construção de móveis é o fator reciclagem. Nesse caso, o aproveitamento do material é um grande benefício para o meio ambiente. Através dessa reciclagem, vantagens são possíveis, como, mais emprego para quem é reciclador e catador de papelão e menos lixo no planeta.

Ainda sobre a parte da reciclagem, é importante destacar que o móvel é 100% biodegradável. Ou seja, quando ele for parar na natureza por qualquer motivo, ele irá se decompor por se tratar de um simples papelão.

Desvantagens

Impermeabilidade: Embora os móveis recebam um tratamento especial como verniz ou stain, eles ainda são frágeis no quesito impermeabilidade. Sendo assim, a sua utilização fica restrita para áreas internas livre de umidade. Os móveis de papelão podem ser usados na sala, quarto, escritório, e até em algumas peças do banheiro e da cozinha. Mas devem ser mantidas longe do chuveiro, da pia da cozinha e das áreas externas sem cobertura.

Design: Nem todo mundo gosta do design do papelão, mesmo ele sendo uma grande tendência e tendo todas as vantagens citadas anteriormente. Isso acontece porque um móvel feito de papelão sem nenhum acabamento as vezes dá a impressão de algo inacabado. Considerando esse fato, vários móveis construídos com outros materiais que não recebem acabamento podem não ser tão bonitos.

Mas esse problema é facilmente resolvido através de um acabamento especial e diferenciado. Como já mencionamos, os móveis de papelão podem ser pintados, envernizados, encapados, entre outras formas de acabamento.

Onde comprar móveis de papelão

Esse tipo de mobiliário tem crescido como tendência nos últimos anos. Em vista disso, muitas empresas passaram a se especializar na confecção desses móveis ou surgiram exclusivamente com a fabricação desses itens. Sendo assim, hoje em dia não é mais nenhuma novidade encontrar móveis de papelão em alguma loja. Mas os lugares com mais volume de móveis desse tipo ainda é na internet.

Muitas empresas oferecem o sistema e-commerce para a venda de móveis de papelão. Na verdade, esse tipo de mobiliário é facilmente encontrado na internet e entregue pelas próprios fabricantes.

Lista de empresas

Já o preço para comprar o móvel prontinho para o uso depende muito do tipo do mobiliário e de onde ele será usado. Sendo assim, os preços podem oscilar de R$ 50 a R$ 1.000 para móveis simples como poltronas, sofás, camas, mesas e estantes. Mas dependendo da complexidade do móvel, o preço pode ser ainda maior.

Por isso, é importante que você pesquise bastante antes da compra e até considere a possibilidade de criar o seu próprio móvel de papelão. Se você está cogitando esta ideia, confira a seguir um passo a passo simples de como construir um belíssimo móvel de papelão:

Como fazer móveis de papelão

Confeccionar uma peça em papelão é algo muito simples e fácil. Mas é sempre importante seguir um passo a passo acompanhado de moldes para que a peça fique incrível. Pensando nisso, nós preparamos um guia com algumas dicas importantes para você construir seus móveis com esse material.

Materiais mais utilizados

  • Papelão;
  • Papel Paraná
  • Cola branca;
  • Cola quente;
  • Pistola de cola quente;
  • Tesoura;
  • Estilete;
  • Faca;
  • Rolo de pintura;
  • Tinta;
  • Verniz;
  • Papel contact;
  • Molde do móvel.

Passo a passo

Para fazer qualquer móvel de papelão é preciso seguir alguns passos como: fazer os cortes de acordo com o molde, dobrar na medida certa ou ainda colar as partes para fixar a peça. Cada móvel apresentará tutorial e móveis diferentes para que seja confeccionado. Como exemplo, vamos ensinar você a fazer um nicho de papelão de diferentes formas. Confira o passo a passo a seguir:

Nicho de papelão

Para fazer o nicho, você precisará de uma caixa de papelão na medida que você pretende fazer o nicho ou menor e outra caixa que servirá para deixar o nicho ainda mais firme. Além disso, você precisará de cola branca, tesoura ou estilete e material para acabamento que pode ser papel contact, tinta, papel paraná ou até papel de presente.

Antes de começar, você deve definir o tamanho do nicho que pretende fazer. Caso o seu papelão seja um pouco menor que o tamanho que você deseja, você irá colar as peças de papelão na parte de fora. Mas se a caixa tem o tamanho ideal para o seu nicho, você precisará colar mais papelão na parte interna da caixa.

1. Comece recortando a caixa no formato e tamanho que você deseja. Para isso, tire o fundo da caixa e corte na lateral em um formato de nicho. Depois de cortar a caixa que você utilizará como base para o nicho você deverá cortar tiras da outra caixa de papelão com largura semelhante a do nicho.

2. Cole as tiras de papelão na parte interna ou externa do seu nicho para reforçar a resistência do papelão. Para isso, utilize bastante cola branca. Para concluir este passo, deixe o nicho secar por algumas horas.

3. Por último, coloque o acabamento que você quiser. Caso o acabamento seja em papel, você deverá colá-lo no nicho para cobrir o papelão. Mas caso o acabamento seja em verniz ou tinta, você deverá pintá-lo e até fazer uma segunda aplicação se necessário.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Write A Comment