Devido a sua vasta aplicação, as telhas de alumínio podem ser indicadas para inúmeros tipos de obras, sejam elas terminais de transporte público, instalações poliesportivas, transportadoras, pavilhões de exposições, feiras de negócios, instituições de ensino ou edificações industriais e comerciais.

As telhas de alumínio também são muito utilizadas na área do agronegócio, sendo adotadas nos tetos dos aviários para diminuir a exaustão térmica nas aves, e também em galpões e silos. Uma das propriedades do produto que esclarece a ampla cadeia de aplicações é sua leveza associada à grande resistência mecânica.

O engenheiro Luiz Valério de Paula Trindade coordenador do Grupo de Trabalho Telhas de Alumínio da Associação Brasileira do Alumínio (ABAL) ensina que, “Desde que seja corretamente dimensionado em conformidade com as especificações do projeto, é possível o uso de telhas com espessuras delgadas para vencer grandes distâncias entre apoios e ainda assim suportar as cargas distribuídas compatíveis”.

Graças a telha de alumínio ser um produto leve, equivale menos carga permanente sobre a estrutura de apoio do edifício e conforme sua característica de grande resistência à corrosão, demonstra também elevada durabilidade. Luiz também fala que “Outra característica é que a solução tem alto índice de refletância, por volta de 74%, e emissividade muito baixa, apenas 0,12”.

Outra afirmação realizada por ele é de que as telhas de alumínio proporcionam também uma grande economia para o consumidor, tendo em vista que necessitam de poucas ações de manutenção corretiva no decorrer de sua vida útil, que em muitas situações supera os 40 anos.

O alumínio é um metal com propriedades físico-químicas muito especificas em comparação a outros materiais metálicos, que lhe proporciona excelente resistência às intempéries de diversos ambientes.

Esse modelo de telha é ótimo para quem busca economizar no custo-benefício, pois ela costuma ser muito mais em conta do que outros modelos e a durabilidade do alumínio é no mínimo quatro vezes mais do que todas as outras telhas.

Para quem está construindo e procura conhecer outras informações sobre as telhas de alumínio, tais como especificações e modelos por exemplo, poderá verificar logo abaixo com mais detalhes.

Característica das Telhas de Alumínio

As telhas de alumínio que são vendidas no comércio nacional são produzidas, normalmente, com comprimento revezando entre 2 e 12 metros. Mas, podem ser cortadas em outros tamanhos incluso neste intervalo, conforme as especificações do projeto.

A espessura tem valores que vão de 0,4 até 1 mm, com espaços de 0,10 mm entre os dois limites. Outro comentário feito pelo o engenheiro é que no Brasil, existem telhas com modelo ondulado e trapezoidal, que são vendidas em acabamento natural, lavrado stucco, pré-pintada ou pós-pintada.

Para melhor caracterizar a solução, é preciso ter em mente três aspectos: a carga de ventos na área onde se encontra a obra, a distância entre as terças e a inclinação da água do telhado.

Tendo essas informações, o profissional responsável disporá dos princípios mínimos indispensáveis para realizar o correto dimensionamento da telha mais adequada para o seu projeto em relação ao modelo, espessura e comprimento.

Também é recomendado que o encarregado pela especificação utilize sempre os catálogos técnicos dos fabricantes, normalmente prontos para download gratuito em seus websites, de modo a identificar os padrões de cada produto.

Modelos de Telhas de Alumínio

Modelos de telhas de alumínio

Encontra-se vários modelos para diversas obras, alguns são sugeridos e fabricados para galpões e espaços onde precisam de um modelo maior.

Alguns modelos você encontra com mais facilidade no mercado, mas para a melhor escolha, indicamos que você procure ajuda de um profissional da área de construção.

Instalação

Instalação

Antes de começar a colocar as telhas, é necessário averiguar se existe um projeto detalhado para a instalação e estudá-lo cuidadosamente. Trindade ainda cita que “O instalador deve verificar se a estrutura está em conformidade com o projeto, sobretudo no que diz respeito às distâncias entre terças, nivelamento e inclinação. Também é necessário conferir o sentido do vento predominante no local e iniciar a montagem começando do lado contrário do sopro do vento, indo do beiral para a cumeeira”.

A maior parte das estruturas de sustentação para telhados com telhas metálicas são realizados com perfis de aço galvanizado. Existem também, projetos que usam estruturas construídas com pré-moldados de concreto ou com madeira, contudo o mais usual é o aço. A elaboração da estrutura baseia-se no isolamento da junção direto do aço sem proteção com o alumínio, visto que o ferro existente na estrutura do aço pode causar uma ação de oxidação sobre o alumínio.

Posto isso, a estrutura metálica precisa ser sempre galvanizada ou pintada de modo a neutralizar o contato direto. Todavia, caso a superfície de aço da estrutura não consiga ganhar nenhum dos dois tratamentos citados, é necessário usar então uma fita de vedação, fabricada com material inerte, que realizará esta mesma função de isolamento.

Para conseguir as propriedades térmicas e/ou acústicas, é preciso que o conjunto de cobertura possua uma espessura respeitável. Dado que as telhas metálicas, de modo geral, possuam espessuras muito baixas, sozinhas não apresentam chances de disponibilizar um isolamento térmico e/ou acústico.

Assim, é admissível explorar outros elementos que irão fazer esta função, cujo os mais utilizados são o isopor, o poliuretano expandido ou as lãs minerais. Desse modo, forma-se o telhado com uma telha inferior, no meio usa-se qualquer uma destas alternativas e logo depois a telha superior, originando assim a telha sanduíche.

No final, o produto possuirá uma espessura entre 30 e 50 mm, conforme a solução escolhida, e realizará o papel de sistema termo acústico.

Qualidade

Entre as cruciais normas técnicas relacionadas à utilização de telhas de alumínio, podemos destacar a ABNT NBR 6123 – Ação dos ventos sobre edificações, a ABNT NBR 14331 – Alumínio e suas ligas – Telhas – Requisitos, acessórios, projetos, instalações e aplicações, e a ABNT NBR 10844 – Instalações prediais de águas pluviais.

Até agora não foi criado um Programa Setorial da Qualidade específico para telhas de alumínio, nem ao menos sequer de telhas fabricadas com outros materiais. A distinção é dada por meio da garantia da origem dos produtos, sendo eles baseados em matéria-prima de qualidade assegurada por sistemas industriais rigidamente controlados.

No Brasil, encontramos duas empresas que fabricam as telhas de alumínio, uma vez que ambas possuem ampla rede de entrega em esfera nacional.

Manutenção

É recomentado que se realize uma limpeza com água e detergente neutro na proporção de somente 5%, em intervalos de seis meses em locais com ambiente atmosférico mais hostil e a cada 12 meses em lugares com baixo nível de agressividade atmosférica.

Vantagens das telhas de alumínio

As telhas de alumínio disponibilizam várias vantagens para o usuário no que se refere à sua durabilidade, resistência à corrosão, leveza aliada à resistência mecânica, entre outros fatores.

Esse modelo possui a melhor relação custo-benefício que o consumidor consegue alcançar, além do fato do produto colaborar decisivamente para economia na contração de custos com manutenções corretivas não programadas, por terem as menores interrupções em seu processo por não necessitar de tratamentos inusitados e elevado valor residual.

As telhas de alumínio correspondem os princípios de sustentabilidade devido o fato de serem suscetíveis a reciclagem infinita vezes. Além do mais, como o alumínio é um metal intenso em energia elétrica para sua criação primária, no momento em que se faz a logística reversa reincluindo sucata do metal no sistema produtivo, é provável conseguir perna no consumo de energia elétrica de até 95%.

Sendo assim, as telhas de alumínio se tornam altamente sustentável e ainda conseguem cooperar para que a construção ganhe pontuação para prováveis conquistas da certificação LEED, que é muito importante em dias como hoje.

Se depois de ler o artigo você optou por usar telhas de alumínio em sua construção, lembre-se primeiramente de contratar um profissional qualificado para garantir a melhor opção para o seu projeto e logo depois seguir para os orçamentos. Não faça nada com pressa, pesquise o melhor para sua obra e para o seu bolso.

Restaram dúvidas sobre telhas de alumínio? Se sim, é só deixá-la nos comentários abaixo e nós estaremos prontos para lhe responder! Agora, caso tenha conseguido retirar suas dúvidas com este artigo, então não deixe de compartilhar com seus amigos e conhecidos, nunca se sabe quem você pode acabar ajudado no percurso!

Escreva um Comentário