Atualmente há diversos aditivos para concreto no mercado, com as mais diversas funcionalidades dependendo do que você busca em uma construção.

Mas calma, talvez eu esteja passando o carro na frente dos bois, antes de mais nada, você sabe o que são os aditivos para concreto? Não? Nunca ouviu falar em nada parecido com isso e não tem nem ideia de para que eles servem?

É seu dia de sorte, estamos aqui justamente para te ajudar com isso! Pois é só continuar a leitura.

O que são os aditivos para concreto

aditivo para concreto

Aditivos para concreto nada mais são do que determinadas substâncias – aditivos – que são adicionadas ao concreto para que ele desenvolva certas características que convencionalmente ele não possui. Ou seja, é quase como se você “modificasse geneticamente” o concreto para se adaptar ao trabalho a ser realizado.

Um exemplo mais prático da utilização de um concreto com aditivos é em construções submersas, e não, não estamos falando de Atlântida aqui não. Construções submersas tanto em água salgada quanto doce não pode se utilizar do concreto convencional, que não é próprio para este tipo de ambiente, sendo necessário a utilização de aditivos que permitam a estrutura a “ficar de pé”.

“Isso quer dizer então que em uma construção normal não precisa utilizar aditivos para concreto?”

Sim e não, esta resposta é um pouquinho complicada. Tecnicamente você não precisa de aditivos para uma construção convencional, mas nada te impede de utilizar os aditivos para concreto, tendo em vista que determinados aditivos trazem vantagens enormes para a construção, como uma maior resistência e até mesmo um tempo de cura do concreto mais acelerado.

O que estamos tentando deixar claro aqui é que a utilização de aditivos depende exclusivamente da obra que você tem em mãos. Muitas vezes não será um caso de extrema necessidade, mas sim de comodidade, onde as vantagens por trás dos aditivos valerão a pena. Tudo isto deve ser pesado durante o projeto para se tomar uma decisão definitiva.

As vantagens de se utilizar aditivos para concreto

A principal vantagem, que inclusive já discorremos sobre acima, é a utilização de aditivos em ambientes extremos, cujo o concreto convencional claramente não pode ser empregado. E não pense que isto está limitado somente a construções submersas, mas em áreas com grande incidência de ventos, locais de baixa e de alta temperatura, construções no meio do deserto, e diversos outros locais cujas intempéries necessite que sejam utilizados aditivos no concreto.

Mas claro, esta não é a única vantagem e empregabilidade de um concreto com adição de aditivos, sendo que a ideia principal dos aditivos é aumentar as vantagens e minimizar as desvantagens do concreto, tornando-o praticamente perfeito para todos os casos.

Como aumento das vantagens do concreto podemos destacar:

  • Ele aumenta a trabalhabilidade do concreto, sem para que com isso o consumo de água aumente;
  • A impermeabilidade do concreto é melhorada;
  • A resistência tanto inicial quanto final do concreto é aumentada;
  • Em consequência da resistência final aumentar, isto também aumenta a durabilidade do concreto, além de protegê-lo contra efeitos químicos;
  • A fluidez do concreto é melhorada, o que é uma boa para sua utilização em locais cuja concretagem é difícil.

E, com relação as desvantagens que são minimizadas, nós destacamos:

  • A permeabilidade do concreto é reduzida;
  • O calor de hidratação do concreto é minimizado;
  • Seus efeitos de retração são diminuídos;
  • O consumo de água é reduzido;
  • O tempo de pega do concreto também muda, podendo ser acelerado ou retardado, dependendo do que se deseja atingir.

Mas atenção, não é só jogar os aditivos para concreto e pronto

Mas atenção, por mais que os aditivos sejam uma maravilha, é sempre bom ter em mente que não é simplesmente você adicionar os aditivos no concreto e pronto, eles começarão a agir a mil maravilhas, não é bem assim que funciona!

O uso dos aditivos deve ser aconselhado, orientado e acompanhado pro profissionais qualificados, que saibam o que estão fazendo. Um Engenheiro Civil com experiência no assunto e um especialista em tecnologia do concreto são requeridos.

Esta não é uma mistura que você vá conseguir fazer no canteiro de obras, por exemplo. O mais indicado é que a adição dos aditivos sejam feitos em laboratório, juntamente com a realização de corpos de prova, somente este cuidado irá evitar que ocorram acidentes devido a utilização de um concreto pobre.

Os principais aditivos para concreto

Aditivo para concreto

Uma vez que você já tenha claro em mente a função geral dos aditivos e suas vantagens, além do quão importante é que eles sejam feitos apenas por profissionais devidamente qualificados, vamos agora passar pelos principais tipos e quais suas particularidades, isto irá te ajudar a decidir se um deles pode ser usado em sua obra em específico.

1 – O Aditivo Plastificante

O aditivo plastificante é também conhecido como redutor de água e, como o próprio nome já induz, ele faz com que seja utilizada uma menor quantidade de água no concreto, e sem que para isso a sua consistência seja prejudicada. Aqui além da diminuição de água há também um ganho de resistência final.

Você é engenheiro(a)? Não está ganhando o quanto deveria?
Conheça essa oportunidade no mercado. Vistoria Cautelar de Vizinhança

Clique aqui

2 – O Aditivo Superplastificante

Similar ao anterior, porém aqui há uma redução de água maior ainda, cerca de 20% a 25%. E ele também segue a mesma lógica do aditivo anterior, diminuição de água e ganho de resistência final.

3 – O Aditivo Incorporador de Ar

Utilizado para se obter um sistema com uma bolha de ar microscópica, uniforme e estável. Este aditivo é bastante empregado em países muito frios, pois ele irá aumentar a resistência final do concreto nos ciclos de gelo e degelo. É importante também falarmos que este aditivo melhora tanto o desempenho térmico quanto também o acústico do concreto.

4 – O Aditivo Acelerador de Pega

Precisando ganhar um tempo extra na execução de sua obra? Então este aditivo pode vir a calhar!

O que acontece aqui é que este aditivo é ideal para diminuir o tempo de pega de início e de fim, ele irá ajudar a acelerar o processo produtivo, inclusive aumentando a resistência inicial durante os primeiros dias. Entretanto, é bom destacar que a utilização correta deste aditivo é essencial pois, se utilizado erroneamente poderá prejudicar bastante a resistência final do concreto e de toda a estrutura.

5 – O Aditivo Retardador de Pega

Analogamente ao anterior, é fácil de entender que este aditivo funciona para retardar o tempo de pega do concreto. Ele é bastante utilizado para quando se deseja concretar longas distâncias, ou então em regiões que possuam o clima muito frio.

Veja também: Pega Do Concreto – Como Utilizar A Seu Favor!

6 – Os Lubrificantes e Aglutinantes

A principal função dos lubrificantes e aglutinantes é de melhorar as características físicas do concreto durante suas etapas de construção, o que permite uma maior absorção e coesão de água sem que a plasticidade e o tempo de pega do concreto sejam modificadas. Isso facilita o bombeamento do concreto em equipamentos de aplicação e injeção.

7 – A Microssílica

Projetos de grande complexidade e cuja necessidade de segurança seja alta? Pois é exatamente para isto que a microssílica existe! Ela irá adaptar o concreto para as mais extremas situações, aumentando sua resistência mecânica e impermeabilidade ao máximo.

Conclusão

Agora você já tem uma boa noção do que são os aditivos para concreto, e em como eles podem ajudar bastante em determinadas obras e situações.

Algum dos aditivos citados acima pode te ajudar em sua obra? Ótimo! Mas cuidado, lembre-se sempre de utilizar apenas aditivos que tenham sido empregados por profissionais ou empresas qualificadas. A utilização de um aditivo mal empregado irá te trazer mais dor de cabeça do que ajuda!

Write A Comment