O crochê é um trabalho manual artesanal milenar, que nunca saiu de moda ou caiu em desuso. Pelo contrário, muito apreciado desde os tempos em que as mulheres aprendiam o ofício e criavam seus próprios enxovais, a técnica foi aprimorada ainda mais, abrindo-se para diferentes segmentos de mercado. Assim, muita gente tem procurado aprender como fazer crochê passo a passo para não ficar de fora dessa oportunidade de negócio.

Antes uma forma de distração e de ocupar o tempo, costurando e bordando peças para o próprio enxoval, hoje o crochê se faz presente também em uma série de produtos de moda e decoração. Desde vestidos, saias, blusas, saídas de praia, gorros e cachecóis à jogos americanos, caminhos de mesa, cachepôs, e tudo mais que sua imaginação puder criar.

Por esta razão, o crochê se tornou um dos negócios mais versáteis para se apostar em uma nova fonte de renda. Além disso, o crochê é um trabalho manual que não exige um investimento alto, apenas agulhas específicas de ponta curva, lã ou barbante e muita paciência para combinar os pontos de crochê de diferentes formas.

APRENDA FAZER CROCHÊS ENCANTADORES
✔ Aprenda fazer Crochê! ✔ Ganhe Dinheiro! ✔ Aulas Online com Certificado!

Acesse agora! Clique aqui.

Sendo assim, começar a aprender a fazer crochê não é nada difícil e perfeitamente possível, mesmo que você nunca tenha tentado ou ainda não domine a técnica. Até porque existem receitas, gráficos e vídeos tutoriais que ensinam como fazer crochê passo a passo para que você não erre a ordem dos pontos e mantenha a simetria do trabalho sem esforço.

Para começar, basta reunir o material, seguir nossas dicas abaixo, aprender e treinar alguns pontos essenciais, como correntinha, ponto alto, ponto baixo e ponto baixíssimo, e pronto! Logo você estará fazendo diversas peças lindíssimas e ganhando um bom dinheiro com isso. Vamos lá!

Como fazer crochê: Primeiros Passos

Aprender como fazer crochê pode ser mais fácil que se imagina.
Aprender como fazer crochê pode ser mais fácil que se imagina.

Embora não seja uma tarefa difícil, tampouco impossível, para aprender como fazer crochê passo a passo é preciso desvendar esse universo devagarinho, principalmente se você for iniciante.

Embora tenham muitas coisas para aprender antes mesmo de dar a primeira laçada com a agulha de crochê, todas as informações e dicas neste artigo irão te ajudar a dominar a técnica antes do que você imagina.

Para começar, você tem que saber que existem agulhas especiais para realizar o crochê, tipos de linhas e barbantes, pontos para praticar e abreviações para decorar. Veja com mais detalhes abaixo:

Leia mais: Centro de Mesa de Crochê: Veja Várias Fotos!

Tipos de agulhas de crochê

Existem vários tipos de agulhas, que variam na cor, material e tamanho. No entanto, a escolha da agulha está diretamente ligada à linha que você vai escolher usar.

Isso porque dependendo da grossura do fio, a agulha terá que ser mais grossa ou mais fina, interferindo diretamente no resultado final da peça que você vai produzir. Os tamanhos podem variar de 0,5mm a 10mm.

Dependendo da peça, ela também vai exigir um tipo de linha, mais grossa ou mais fina, além de pontos mais abertos ou fechados. Mas, de um modo geral, agulhas finas devem usar linhas finas para produzir pontos fechados. Sendo que a agulha grossa deve ser usada com linha grossa para produzir pontos abertos.

No caso de iniciantes, as linhas mais finas são mais fáceis de trabalhar. Já quem ainda não tem tanta firmeza ao fazer os pontos, o ideal é trabalhar com agulhas um pouco mais grossos, porém com fios mais finos para conseguir fazer pontos mais apertados, até adquirir mais firmeza.

Agora, basta escolher a sua linha, na cor que preferir e verificar na embalagem o tamanho de agulha mais indicado. Já a cor e o material vai mais de gosto pessoal, podendo ser feitas de metal, alumínio, de aço, madeira, plástico ou até de cabo emborrachado. Isso vai muito de cada pessoa e fica à seu critério.

Tipos de linha para crochê

Assim como existem os diferentes tipos de agulha, principalmente com relação ao tamanho. Há de se esperar que existam também diferentes tipos de linhas para passar por essas agulhas.

No entanto, as mais comuns e utilizadas são as de lã e de algodão, mas você também pode usar fio de barbante, que é mais grosso e ideal para produzir tapetes ou outras peças que precisam ser mais resistentes.

Quando estamos começando, o ideal é escolher uma linha de tons claros, que facilitam a visualização dos pontos. Mas, existem também linhas para crochê coloridas, em que os fios possuem várias cores ou várias tonalidades de uma só cor.

Todas elas darão efeitos incríveis, principalmente se o trabalho for uma flor de crochê. Mas tudo vai depender daquilo que você escolher fazer.

Pontos e abreviações

APRENDA FAZER CROCHÊS ENCANTADORES
✔ Aprenda fazer Crochê! ✔ Ganhe Dinheiro! ✔ Aulas Online com Certificado!

Acesse agora! Clique aqui.

Agora vamos aos pontos de crochê, que também são muitos, alguns mais simples e outros mais complexos. No entanto, toda peça de crochê começa pelo ponto correntinha, um dos mais simples.

Mas outra coisa muito importante para aprender como fazer crochê passo a passo é o nome e as abreviações dos pontos. Afinal, para seguir as receitas de crochê você tem que saber ler essas informações.

Listamos abaixo os pontos principais e mais simples, para que depois desses pontos básicos, você possa passar rapidamente para os mais complexos:

Ponto correntinha (Corr)

O ponto correntinha é o ponto mais básico da técnica de crochê, por ser o mais simples e mais fácil de ser feito. Sendo assim, ele é a base para praticamente todo tipo de trabalho em crochê.

Quando estamos aprendendo como fazer crochê passo a passo, é fundamental treinar bastante com ele até conseguir que fiquem nem muito apertados nem muito soltos.

Para fazer o ponto correntinha, comece com um nó móvel na ponta da agulha. Em seguida, passe o fio na agulha e puxe por dentro do nó e vá repetindo o mesmo passo até formar uma “correntinha”, daí o nome do ponto.

Aproveite também para contar a quantidade de pontos que você quer ter na sua peça, começando, por exemplo, com 10 pontos correntinha.

Ponto baixíssimo (Pbx)

Esse ponto é bem parecido com o ponto correntinha, com a diferença de que você deve colocar a agulha em uma correntinha e então dar uma laçada, depois puxar o laço por dentro das duas correntinhas.

Ele não é um ponto visível e serve para dar acabamento nas peças, fazer arremates, reforçar bordas e unir carreiras. O ponto funciona mais como um apoio para o crochê, ligando dois pedaços feitos em ponto correntinha, por exemplo.

Ponto baixo (Pb)

O ponto baixo é utilizado em peças que precisam ser mais firmes, como os tapetes em crochê, por exemplo. Isso porque ele cria tramas mais fechadas.

APRENDA FAZER CROCHÊS ENCANTADORES
✔ Aprenda fazer Crochê! ✔ Ganhe Dinheiro! ✔ Aulas Online com Certificado!

Acesse agora! Clique aqui.

Mas, para fazê-lo é preciso fazer primeiro duas correntinhas e depois passar a agulha por dentro da segunda casa e enrolar a linha na agulha, passando por dentro da casinha.

Depois, tem que fazer outro laço na agulha e passar pelas duas casas, ficando assim apenas um ponto na agulha.

Ponto alto (Pa)

Ao contrário do ponto baixo, esse ponto possui uma trama mais aberta, sendo mais indicado para peças mais soltas, moles e macias, como blusas, saias, vestidos, saída de praia e batas, por exemplo.

Para fazer o ponto alto, você deve enrolar o fio na agulha, contar três pontos e, em seguida dar uma laçada. Depois, coloque a agulha no quarto ponto, puxando a linha para finalizar, ficando com três pontos na agulha. Por fim, tire os dois primeiros, dê uma laçada e puxe pelos dois últimos.

Pronto! Esses são os pontos básicos do crochê, e os mais indicados para quem está começando a aprender como fazer crochê passo a passo. No entanto, existem também muitos outros pontos, mas que exigem um pouco mais de técnica.

Como por exemplo, o ponto candeia, o ponto segredo, o ponto amor, o ponto colméia, o ponto abacaxi, o ponto X e o ponto zigue-zague, entre outros e suas combinações.

Além das abreviações dos pontos, existem também outras abreviações importantes do crochê, que sempre estarão presentes nas receitas, são elas:

  • Seg – seguinte;
  • Ult – último;
  • Sp – espaço;
  • Pq – ponto;
  • Rep – repita;
  • Mpa – meio ponto alto.

Leia mais: Como Fazer Sousplat de Crochê: Gráfico e Vídeos!

Materiais necessários para aprender a fazer crochê

Para saber como fazer crochê passo a passo você vai precisar de poucos materiais.
Para saber como fazer crochê passo a passo você vai precisar de poucos materiais.

Para começar a aprender como fazer crochê passo a passo, além da agulha e a linha são necessários também outros materiais, como por exemplo:

  • Agulha para crochê, de acordo com a espessura da linha escolhida;
  • Linha para crochê (barbante barroco, perlé, fio 100 % algodão, fio 100% poliéster ou fio de algodão com viscose, grossa ou fina, dependendo do que você quer fazer);
  • Tesoura de boa qualidade, para cortar o fio;
  • Fita métrica para medir a peça e o tamanho da correntinha inicial.

Leia mais: Curso de Crochê Online a Distância

Dicas para iniciantes no crochê

Fica fácil aprender como fazer crochê passo a passo se você seguir à risca algumas dicas.
Fica fácil aprender como fazer crochê passo a passo se você seguir à risca algumas dicas.

Quando a gente tá apenas começando a aprender como fazer corchê passo a passo, é normal cometer alguns erros. Isso porque sem a prática não temos como ter conhecimento de todos os macetes que envolvem a criação das peças.

Mas, algumas dicas nesse momento pode ajudar você a pular algumas etapas e não errar tanto. Vamos a elas abaixo:

  • Antes de começar a peça original, faça um teste primeiro com uma peça teste, para se acostumar primeiro com o ponto escolhido.
  • Escolha agulhas um pouco maiores no início (2,5mm) e linhas mais finas, até aprender como fazer cada ponto.
  • Se você tiver muita dificuldade com a linha de crochê, pode ganhar prática primeiro com uma agulha média e uma linha de tricô.
  • Pratique bastante com o ponto correntinha antes de passar para os outros pontos básicos.
  • Quando estiver com mais prática e firmeza, passe para o ponto baixo e o ponto alto.
  • Comece com linhas de única cor, pois o processo é mais fácil.
  • Além das abreviaturas dos pontos principais, tente decorar também todas as outras.

Leia mais: Crochê Tunisiano: Conheça a Técnica e Saiba como Fazer

Gráficos de crochê

Os gráficos que ensinam como fazer crochê passo a passo são excelentes para auxiliar a produzir uma determinada peça a partir do risco e de seu símbolos representados neles.

Porém, esses gráficos são indicados apenas para quem tem mais prática com o crochê ou depois que você já tenha conseguido atingir uma certa prática com as linhas e agulhas.

À princípio, vá treinando a partir dos vídeos tutoriais disponíveis na internet. Geralmente, esses tutoriais mostram todo o passo a passo de forma bem simples e prática, de modo que você possa ir e voltar sempre que perder algo ou assitir quantas vezes quiser, até aprender tudo direitiho. Confira alguns deles abaixo, fornecidos pela Revista Artesanato:

Tutorial para ponto correntinha:

Tutorial para ponto alto:

Tutorial para ponto baixo:

Tutorial para ponto baixíssimo:

APRENDA FAZER CROCHÊS ENCANTADORES
✔ Aprenda fazer Crochê! ✔ Ganhe Dinheiro! ✔ Aulas Online com Certificado!

Acesse agora! Clique aqui.

Pronto! Agora você já sabe como fazer crochê passo a passo, comece hoje mesmo e depois venha nos contar o resultado!

Escreva um Comentário