O Brasil continua sendo um dos maiores consumidores de produtos de beleza e higiene do mundo. Mesmo em crise, a indústria de higiene e beleza brasileira cresceu mais que a economia do país nos últimos anos. Com isso, o Brasil é reconhecido como um forte mercado para investimento em beleza. Portanto, não é à toa que a saboaria artesanal tem crescido exponencialmente e apresentado excelente qualidade de produtos. Por esta razão e pela facilidade de produção e venda, cada vez mais pessoas querem aprender como fazer sabonete artesanal.

Sendo assim, produzir sabonetes em casa tem se mostrado um grande negócio. Além de ser um produto fácil de fazer, tem custo baixo de produção e alto rendimento, com a possibilidade de gerar lucros bem maiores que o investimento inicial.

Como se não bastasse, na onda de conscientização ecológica, produzir o próprio sabonete vai ainda trazer benefícios à saúde e manter o ambiente menos poluído por mais alguns anos. Isso porque a maioria dos sabonetes industrializados utilizam uma série de processos e produtos químicos na sua fabricação que causam danos ao organismo e ao meio ambiente.

Ao aprender como fazer sabonete artesanal, você vai contribuir para o controle sobre o consumo das pessoas, ao optar por ingredientes e processos naturais de fabricação.

Além disso, ele é uma grande vantagem econômica, pois como o investimento é pequeno e o rendimento alto, é possível fazer uma boa quantidade de sabonetes, de diversos tipos, finalidades e gostos. Assim, a fabricação própria pode gerar economia no orçamento doméstico e lucros, se virar uma fonte de renda através das vendas.

Quer aprender como fazer sabonete artesanal para beneficiar a sua saúde ou começar o próprio negócio? Então, continue lendo o artigo abaixo, que vamos explicar tudo para você produzir excelentes produtos. Confira!

 

APRENDA A FAZER SABONETE ARTESANAL SEM SAIR DE CASA, CLIQUE AQUI!!!

 

Sabonete artesanal: Fonte de renda lucrativa

Aprender como fazer sabonete artesanal pode ser muito lucrativo.
Aprender como fazer sabonete artesanal pode ser muito lucrativo.

Os sabonetes artesanais são excelentes para a pele por utilizarem, na maior parte, ingredientes naturais e não participarem de processos químicos durante a fabricação. Além disso, também podem ser uma ótima fonte de renda para quem quiser produzi-los para comercializá-los.

Os produtos artesanais, feitos à mão, sempre tiveram um apelo maior junto ao público pelo fato de serem únicos e exclusivos. Mas no caso dos sabonetes artesanais, eles são um produto ainda mais apelativo, pois se enquadram dentro do ramo dos cosméticos de beleza e higiene. Um dos mercados que mais cresceu no Brasil, nos últimos anos, mesmo tendo caído um pouco o consumo brasileiro durante a crise.

Sem falar que a procura por produtos naturais, que não trazem riscos à saúde e ainda contribuem para a conservação do ambiente está super em alta. Já que os consumidores estão cada vez mais conscientes dos produtos que consomem.

Portanto, se o seu interesse é começar o próprio negócio, e tem um gosto por produtos artesanais e naturais, não pode deixar de apostar nesse mercado. Sem falar que o sabonete artesanal tem um custo baixo de investimento e um alto rendimento, podendo gerar lucros ainda maiores rapidamente. As opções são praticamente, infinitas, pois a sua base de fabricação é sempre a mesma, o que vai variar é a finalidade do produtos e suas combinações de ingredientes.

Portanto, o seu talento e criatividade é que vão dar o pontapé inicial que você precisa. Mas antes de começar o negócio, saiba que existem alguns tipos de sabonetes que costuma vender mais que os outros. Sendo assim, além de aprender como fazer sabonete artesanal, você deve produzir também os sabonetes certos para garantir os bons negócios.

Confira algumas opções abaixo!

Sabonete artesanal fitoterápico

Aprender como fazer sabonete artesanal fitoterápico é excelente forma de ganhar dinheiro e preservar a saúde.
Aprender como fazer sabonete artesanal fitoterápico é excelente forma de ganhar dinheiro e preservar a saúde.

Os sabonetes artesanais fitoterápicos possuem a proposta de limpeza aliada ao tratamento de pele através de ingredientes naturais. Eles podem ter várias finalidades diferentes e serem destinados a tipos de pele específicos.

Assim, podem ser em barra ou líquidos, para esfoliação, hidratação, equilíbrio e redução de oleosidade ou aspereza, acalmar a pele irritada, tratar a acne, entre outras finalidades. Em geral, utilizam ingredientes à base de ervas, sementes, óleos essenciais e extratos glicólicos com propriedades medicinais.

Sabonetes para pele oleosa, por exemplo, podem conter propriedades adstringentes, para peles secas podem conter ingredientes específicos para aumentar a hidratação, e os de pele mista podem ter ação equilibrante e calmante.

Normalmente, este tipo de sabonete tem bastante procura e pode abrir inúmeras possibilidades de linhas diferentes, para o corpo e rosto. No Brasil, a adesão a estes produtos tem aumentado bastante, pois além de mais econômicos comparados a outros produtos similares no mercado, são menos agressivos à pele e ao ambiente.

Portanto, não há razão para não apostar em aprender como fazer sabonete artesanal e começar a ganhar dinheiro com essa atividade logo.

Sabonete artesanal de frutas

Saber como fazer sabonete artesanal em formato de frutas é aproveitar a tendência do mercado.
Saber como fazer sabonete artesanal em formato de frutas é aproveitar a tendência do mercado.

Os sabonetes artesanais em formato e cheiro de frutas estão ganhando mais espaço no Brasil. Além de super decorativos, eles podem ser usados sem medo. Normalmente, esse tipo de sabonete artesanal é feito em fôrmas de silicone e finalizados com pigmentos de uso cosmético.

Eles ficam idênticos às frutas originais, uma excelente opção de presente criativo, pois além da aparência decorativa, as frutas são ingredientes poderosos para a saúde e possuem um cheiro incrível. Assim, eles podem decorar e perfumar o seu lavabo e banheiro, além de limpar a pele mais naturalmente, garantindo a sua saúde.

Aprenda como fazer sabonete artesanal em formato de frutas e solte a sua criatividade!

Sabonete artesanal de flores

Se você aprender a fazer sabonete artesanal de flores vai garantir as vendas.
Se você aprender a fazer sabonete artesanal de flores vai garantir as vendas.

Os sabonetes artesanais em formato de flores, como rosas e orquídeas, são um verdadeiro sucesso. Pois, da mesma forma que os sabonetes de frutas, a aparência delicada e romântica, traz uma sofisticação à sua decoração.

Há quem faça até sabonetes em formato de pétalas de rosas, uma delicadeza sem fim e super práticos e higiênicos, pois você utiliza uma pétala e pronto.Além disso, as flores possuem fragrâncias super suaves, que caem no gosto da maioria das pessoas.

Logo, são produtos de fácil aceitação no mercado e excelente saída. Esses sabonetes também são feitos em forma de silicone. Outra vantagem é a rapidez com que ficam prontos, e possuem um ótimo acabamento.

 

APRENDA A FAZER SABONETE ARTESANAL SEM SAIR DE CASA, CLIQUE AQUI!!!

 

Sabonete personalizado

Saber como fazer sabonete artesanal personalizado abre um leque de possibilidades.
Saber como fazer sabonete artesanal personalizado abre um leque de possibilidades.

O sabonete artesanal personalizado é uma linha de infinitas possibilidades, por isso também tem muita aceitação no mercado. Normalmente, este tipo de sabonete é apenas decorativo, para dar de presente como lembrança.

Ele é muito usado em lembrancinhas infantis de batizado, chá de bebê e de maternidade. Mas também podem ser feitos para muitas outras ocasiões, adquirindo formatos variados e até ser pintados à mão. A maioria também é feita em formas de silicone.

Como você pode perceber, existe uma infinidade de possibilidades se você quiser aprender como fazer sabonete artesanal, basta apostar na produção de uma dessas linhas e soltar a sua imaginação. Seguindo esses passos tenho certeza de que será um pulo para o seu novo negócio começar a dar lucro e garantir o sucesso de vendas.

Sabonete artesanal X industrializado

O sabonete artesanal tem os benefícios de usar ingredientes naturais.
O sabonete artesanal tem os benefícios de usar ingredientes naturais.

Ao contrário dos sabonetes vendidos comercialmente, o sabonete artesanal não contém detergente sintético, nem conservantes para prolongar o prazo de conservação.

Além disso, nos sabonetes industriais a glicerina natural, responsável por não agredir a pele, é toda retirada. Enquanto que nos sabonetes artesanais, a glicerina é usada em sua forma pura, a fim de proporcionar maior hidratação. Já os óleos presentes em sua composição contém ácidos graxos que ajudam a regular a umidade e nutrir a pele.

Os sabonetes industrializados são fabricados de forma a ter uma maior duração nas prateleiras e para os consumidores. Por isso, utilizam vários produtos químicos e conservantes na sua fabricação.

Já os sabonetes artesanais buscam a qualidade do produto que satisfaça às necessidades da pele, como emoliência para ajudar na hidratação, dureza, estabilidade da espuma, tratamento e limpeza. Além disso, os sabonetes artesanais possuem a opção de utilizar ingredientes naturais, de acordo com a sua finalidade.

Principais ingredientes do sabonete artesanal

É importante aprender sobre os ingredientes que serão utilizados em como fazer sabonete artesanal.
É importante aprender sobre os ingredientes que serão utilizados em como fazer sabonete artesanal.

Agora que você já sabe os tipos de sabonetes artesanais mais vendidos e todos os seus benefícios em comparação aos industriais, precisa entender um pouco sobre os principais ingredientes que são utilizados na sua fabricação. Afinal, a qualidade e os seus benefícios, assim como o sucesso do seu negócio vão depender de um produto bem feito. Assim, diante de tantos fatores positivos que o produto pode proporcionar, basta aprender como fazer sabonete artesanal, escolhendo os melhores ingredientes:

1 – Glicerina

A glicerina é uma das substâncias “umectantes”, que mantém a pele umedecida, e a base do sabonete. Por conter glicerina como principal componente, o sabonete artesanal é mais macio e fresco. Além disso, é capaz de absorver a umidade do ar deixando sua superfície sempre úmida. Normalmente, para a fabricação do sabonete, a glicerina é sólida, vendida em barra, sendo que o preço do Kg varia de acordo com a marca e do local.

2 – Essência

A essência é o que vai dar o aroma ao sabonete, podendo ser natural (diretamente extraída da natureza) ou produzida artificialmente. As principais origens de essências são as flores, frutas, grãos, folhas, algumas essências de ervas medicinais, madeiras, resinas, raízes, etc.

3 – Lauril

O Lauril é a substância responsável pela espuma do sabonete, devido ao seu alto poder “espumógeno”. Ele ajuda na limpeza de pele, tem um ótimo comportamento em termos de incremento de viscosidade, boa compatibilidade com todos os tipos de pele e auxilia na redução de irritabilidade dérmica.

É mais conhecido como Lauril Éter Sulfato de Sódio, sendo obtido a partir da reação de álcoois graxos etoxilados, junto com agentes sulfatantes. No entanto, ele é mais utilizado na produção de sabonetes líquidos e shampoos, e pode ou não conter na formulação dos sabonetes.

4 – Corante

O corante é a substância que vai dar a cor ao sabonete, intensificando ou mudando a cor das substâncias do sabonete que entrará em contato. Ele pode ser natural ou sintético e pode ser combinado com sua essência. Os corantes mais indicados são a base de água, pois duram mais, ou os corantes alimentícios, que normalmente não causam nenhum tipo de reação alérgica.

5 – Óleos Essenciais

Alguns sabonetes artesanais também possuem óleos essenciais em sua composição, que são substâncias voláteis extraídas de plantas aromáticas, que podem também ter algum efeito sobre a pele de acordo com as suas propriedades. Eles são bastante usados em sabonetes fitoterápicos, de finalidade específica, como tipo de pele ou tratamento. Veja alguns exemplos:

  • Óleo essencial de andiroba e centella asiática: ajuda a combater a celulite, acelera a circulação e estimula a produção de colágeno.
  • Óleo essencial de copaíba e mel: usado como antiacne, anti-inflamatório, emoliente, antibacterial, antimicrobial e cicatrizante.
  • Óleo essencial de manteiga de cupuaçu e extrato de açaí: hidrata profundamente a pele, devido a alta capacidade de absorver água, possibilitando a recuperação da umidade e da elasticidade.

6 – Extrato Glicólico

O extrato glicólico traz em sua composição uma grande concentração da substância natural que ele representa, e quando se junta com os outros itens do sabonete, transfere suas características para o produto.

Portanto, se uma determinada substância é “relaxante”, o extrato dela também possui essas propriedades. Ele é opcional para a produção do sabonete, mas é muito usado para diferenciar sabonetes específicos para os tipos de pele e para a produção de diferentes tipos como: cicatrizante, refrescante, antirrugas, antiacne, revitalizante, hidratante, clareador, etc.

 

APRENDA A FAZER SABONETE ARTESANAL SEM SAIR DE CASA, CLIQUE AQUI!!!

 

Como derreter a glicerina

A glicerina é vendida em barra e precisa ser derretida na hora de fazer o sabonete artesanal.
A glicerina é vendida em barra e precisa ser derretida na hora de fazer o sabonete artesanal.

Como vimos, o ingrediente base do sabonete artesanal é a glicerina, além de outros ingredientes que poderão ser incorporados ao produto. Normalmente, a glicerina é vendida sólida, em barra, a preço por kilo.

Para trabalhar o sabonete, é preciso que a glicerina seja derretida. No entanto, existem três formas básicas de derreter a glicerina para fazer sabonetes artesanais. Veja quais são elas abaixo:

1. Em Banho Maria

Se voc6e tem um fogão convencional, de chama à gás em casa, o ideal é o método em banho maria, nunca direto na chama. Derreter a barra em banho maria é o método mais barato e acessível, já bastante utilizado na culinária.

Ele não demanda o uso de equipamentos especiais e pode ser feito no fogão em panela convencional, mexendo Nesse constantemente para ajudar no derretimento.

No entanto, é preciso tomar cuidado para que durante o processo de derretimento, não caia água acidentalmente dentro da panela, pois isso interfere na qualidade do sabonete. O vapor que sobe também pode deixar o sabonete mole demais, mesmo depois de seco, impedindo que ele atinja a consistência desejada.

2. No Fogão Elétrico

O fogão elétrico e uma panela esmaltada é a melhor forma de derreter a glicerina para fazer sabonetes, pois o derretimento da glicerina fica no ponto certo, nem mole nem dura demais, e não perde as propriedades condicionantes.

Isso porque no fogão elétrico, a fonte de calor é estável, fazendo com que a glicerina derreta por igual. Além disso, ele não levanta vapor e não solta chama, assim não interfere na consistência final do sabonete.

Depois de desligado, pode também manter um certo calor que poderá ser aproveitado na preparação dos sabonetes. O equipamento tem um valor acessível e vida útil considerável. Quem não tem esse tipo de fogão em casa, costuma comprar o equipamento, assim como uma panela esmaltada.

3. No Microondas

Essa técnica de derretimento é bastante simples e acessível, podendo ser feita com qualquer recipiente próprio para microondas, como é o caso da maioria das tigelas de vidro refratário e plástico.

No entanto, a temperatura não é distribuída por igual, podendo queimar a base. Dependendo da potência do aparelho, será preciso derreter a base em várias etapas até conseguir o resultado desejado.

Cuidado, pois glicerina pode deixar o recipiente muito quente a ponto de causar queimaduras. Outro fator importante é tomar cuidado para não deixar ferver resultando em um sabonete seco e opaco.

Como fazer sabonete artesanal para iniciantes

Seguindo todo o passo a passo de como fazer sabonete artesanal direitinho não tem como errar no produto.
Seguindo todo o passo a passo de como fazer sabonete artesanal direitinho não tem como errar no produto.

Aprender como fazer sabonete artesanal é muito mais simples do que se imagina. Embora seja necessário ter um cuidado especial e dar uma atenção durante a execução dos procedimentos, as receitas podem ser preparadas com bastante praticidade e sem grandes complicações.

Além disso, para que os sabonetes tenham uma boa qualidade, é fundamental atentar-se à procedência de toda a matéria-prima utilizada na sua produção. Portanto, tome cuidado na escolha dos ingredientes e opte por fornecedores de qualidade.

Não se esqueça que todos os ingredientes devem ter registro na Anvisa, afinal você e seus clientes vão utilizar esse produto no corpo, e você deve garantir o bem estar e a saúde de todos. Sendo assim, procure entender dos ingredientes que irá usar e como se comportam juntos.

Por exemplo, bases com muito álcool podem acabar ressecando a pele, por isso o ideal é utilizar extratos glicólicos de plantas, ervas e flores secas, manteigas, óleos, glicerina, mel e seus derivados para garantir a emoliência e hidratação do produto.

Material para fazer sabonete artesanal

Os materiais vão variar de acordo com aquilo que você optar usar no seu sabonete e no formato que você vai dar à ele, assim como o modo de fazer. Mas os materiais mais utilizados são os seguintes abaixo:

  • 1 kg de base glicerinada
  • 30 ml de essência de sua escolha
  • Corante cosmético ou alimentício
  • 20 ml de lauril
  • Folhas, flores ou ervas desidratadas (opcional)
  • Material de apoio (faca, espátula de silicone, panela esmaltada, fogão elétrico, fôrma)
  • Embalagem (plástico bopp, fita adesiva, etiqueta adesiva, fita decorativa)

Modo de fazer: Passo a passo

  • Corte a base glicerinada em cubos e leve-a ao fogo para derreter.
  • Quando a base estiver totalmente diluída, tampe o recipiente com uma fralda de pano e deixe a glicerina descansar por cerca de 5 minutos.
  • Destampe e acrescente a essência, o lauril e algumas gotas de corante até atingir a cor desejada.
  • Mexa tudo com uma espátula de silicone até que a glicerina fique com a consistência de um mingau.
  • Forre, com um plástico novo, uma fôrma de madeira ou de bolo inglês. Em seguida, despeje a glicerina. Espalhe por cima, as ervas e deixe o sabonete secar por completo. Em temperatura ambiente, ele endurece em cerca de 3 a 6 horas. Se quiser acelerar o processo, leve a fôrma ao congelador por cerca de 20 minutos (ou até perceber que o sabonete está firme).
  • Desenforme a barra sobre uma superfície limpa e corte-a em fatias de aproximadamente 2,0 cm de espessura.
  • Embale o sabonete com plástico bopp e fita adesiva transparente.
  • Por último, coloque uma etiqueta de identificação, que deve conter os dados principais do produto.

A receita tem o rendimento médio de 9 sabonetes grandes, podendo ser vendida cada barra pelo preço médio de R$ 8,00 ou de acordo com os preços praticados na sua cidade.

Cuidados para evitar contaminações

Prezar pela qualidade do produto durante todo o processo é essencial para aprender como fazer sabonete artesanal e obter sucesso.
Prezar pela qualidade do produto durante todo o processo é essencial para aprender como fazer sabonete artesanal e obter sucesso.

Quando pensamos em fazer sabonete artesanal, seja para consumo próprio ou venda, é importante manter a qualidade dos produtos e também tomar cuidados na sua produção para evitar contaminações e possíveis danos à saúde.

Afinal, o intuito de se produzir algo artesanalmente, com ingredientes naturais é preservar a saúde, e não causar problemas, não é mesmo?

Equipamentos

Ao manipular o sabonete, os equipamentos utilizados são tão importantes quanto os ingredientes para garantir a qualidade do seu produto. Ao escolher o seu material de preparo, como panelas, potes e colheres, evite instrumentos de ferro, inox, alumínio e barro, assim como os de plásticos que possam derreter.

Opte por materiais como o silicone, plásticos resistentes e vidro. Quando às panelas, a o ideal é utilizar sempre as de ágata – as panelas esmaltadas -, visto que não soltam resíduos e não reagem com os ingredientes.

Além disso, se possível, use sempre fogão elétrico, pois a técnica de banho-maria pode contaminar o produto e o vapor pode causar umidade no resultado final, comprometendo a consistência do sabonete.

Ambiente de trabalho

O ambiente de preparação também é importante para a qualidade do produto. Mesmo Que seja em casa, é necessário providenciar um local seguro, limpo, claro e arejado.

Além disso, manuseie sempre os materiais com touca e luvas descartáveis e não permita animais domésticos no mesmo ambiente. Lavar bem os produtos e cuide para que o estoque esteja sempre limpo e organizado. Evite também preparar o produto perto de janelas abertas, pois a poeira pode contaminar o sabonete.

Ingredientes

No caso da receita conter soda cáustica como um dos ingredientes, tome cuidado com o contato com a pele, pois ela é extremamente corrosiva e pode causar queimaduras. Quando for misturar na água, sempre adicione a soda à água e nunca o contrário. Ao manipular, use luvas, óculos de proteção, máscara e roupas de mangas comprida.

Embalagem

Se você pretende vender os sabonetes, a embalagem faz toda a diferença. Como a apelação aqui é a forma artesanal do produto e sua aparência rústica, prefira os plásticos transparentes para que o produto possa ser visualizado.

Sempre utilize etiquetas com dados sobre ingredientes usados, data de validade e telefone para contato. Por exemplo: marca, indicação de produto artesanal, nome do produto (ex.: sabonete de ervas), propriedades (ex.: extrato de leite de leite de cabra, óleo de semente de uva), composição (sem as quantidades – base neutra, essência, extrato, óleo vegetal, corante e lauril); data de fabricação e prazo de validade (6 meses) e os dizeres “uso externo”.

Com todas as precauções tomadas, a fabricação de sabonetes artesanais só vai lhe trazer benefícios e garantir o seu sucesso. Come já a produzir os seus!!!

 

APRENDA A FAZER SABONETE ARTESANAL SEM SAIR DE CASA, CLIQUE AQUI!!!

Write A Comment